Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

03 Dezembro de 2019 | 18h39 - Actualizado em 04 Dezembro de 2019 | 12h31

PRODESI identifica 21 empresas de prestação de consultoria

Caála - Vinte e uma empresas de prestação de consultoria, para implementação dos projectos do Programa de Apoio à Produção, Diversificação das Exportações e Substituição das Importações (PRODESI), foram identificados na província do Huambo, com objectivo de impulsionar o desenvolvimento económico.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Membros do Governo do Huambo

Foto: Júlio Vilinga

Governadora Joana Lina, Presidente da sessão do Governo

Foto: Júlio Vilinga

Os dados foram divulgados hoje, terça-feira, na cidade da Caála, 23 quilómetros da capital da província do Huambo, pelo director do Gabinete do Desenvolvimento Económico Integrado no planalto central, Angelino Edmundo Elavoco, durante a XI Sessão do Governo local, orientando pela governadora Joana Lina.

O responsável referiu que a iniciativa visa ter projectos bem estruturados e facilitar o acesso ao financiamento bancário, numa altura em que as mais de mil empresas produtoras necessitam de uma capitalização financeira.

Deste modo, esclareceu que a empresa de consultoria terá uma remuneração com o desbloqueio do valor, por parte da instituição bancária, pelo facto ser o mecanismo encontrado para viabilizar o processo de financiamento dos mesmos.

Angelino Edmundo Elavoco disse que as medidas de apoio ao aumento da produção nacional estão inseridas no plano de acção, que visa potenciar a competitividade da produção interna de bens da cesta básica e de outros prioritários, num total de 54 produtos.

Este programa contempla a produção interna de bens de grande consumo, como açúcar a granel, arroz, carne de vaca, farinha de trigo, feijão, fuba de bombó, fuba de milho, leite em pó, massa esparguete, óleo alimentar de soja, óleo de palma, bem como materiais de construção, como aço, entre outros.

Por este facto, o responsável realçou que, além da componente de infra-estrutura, como sendo necessário que se faça a alteração da actual Lei de Terras, para que a propriedade seja efectivamente privada, de modo a estimular o investimento, tal como acontecia antes da independência, proclamada em Novembro de 1975, quando prevalecia uma economia de mercado.

Aprovado a 13 de Novembro de 2018, pelo Executivo angolano, o Programa de Apoio ao Crédito, enquadra-se na estratégia de diversificação da economia e redução da importação de bens que podem ser produzidos no país, contando com o apadrinhamento de nove bancos comerciais.

A situação económico-social do município da Caála e o grau de implementação do Programa Integrado de Intervenção dos Municípios (PIIM) mereceu igualmente atenção dos membros do Governo, tendo, sobre este último ponto, o administrador do município do Longonjo, Bonifácio Vissetaca, realçando a importância da sua execução na melhoria da qualidade de vida da população.

Com uma população de dois milhões, 519 mil e 309 habitantes, distribuídos em 11 municípios, que perfazem uma extensão territorial de 35.771 quilómetros quadros, na província do Huambo foram cadastrados no portal do Governo local, no âmbito do PRODESI, um total de mil e 278 produtores.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 28/11/2019 14:07:46

    INADEC incentiva cultura de denúncia na quadra festiva

    Huambo - O chefe do serviço provincial do Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (INADEC) no Huambo, Afonso Chicucuma, incentivou hoje, quinta-feira, os consumidores no sentido de ganharem a cultura de denúncia, quando estiverem diante da violação dos seus direitos, principalmente nesta fase em que se aproxima a quadra festiva (Natal e Passagem de Ano).

  • 27/11/2019 16:58:25

    Responsável pede maior adesão de empresários ao PRODESI

    Huambo - O director do Gabinete de Estudo, Plenamente e Estatística da província do Huambo, Araújo Timóteo Calei, pediu hoje, quarta-feira, maior adesão da classe empresarial local ao Programa de Apoio à Produção Nacional, Diversificação das Exportações e Substituição de Importações (PRODESI), enquanto um dos pressupostos para melhoria da qualidade de vida dos angolanos.

  • 19/11/2019 13:20:39

    Obras do novo sistema de abastecimento de água estão a 95 por cento

    Huambo - Pelo menos 95 por cento, dos 600 quilómetros previstos nas obras de construção do novo sistema de abastecimento água da cidade do Huambo, a partir do caudal do rio Cunhoñgamua, já estão concluídos, informou hoje, terça-feira, o presidente do Conselho de Administração da empresa local de Águas e Saneamento, Adolfo Elias Gomes.