Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

19 Junho de 2019 | 13h31 - Actualizado em 19 Junho de 2019 | 13h31

Falta de equipamentos inviabiliza pesca continental no Huambo

Huambo - A falta de equipamentos (rede, anzóis e canoas) para a prática da pesca continental, nos rios da província do Huambo, está a criar vários transtornos aos pescadores que têm esta actividade como a única fonte de rendimento, informou hoje, quarta-feira, à ANGOP, o responsável do departamento local de Pescas e Agricultura, Alberto Sousa da Silva.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O responsável fez saber que o pouco material utilizado pelos mil e 468 pescadores artesanais inscritos na base de dados do Gabinete local da Agricultura, encontra-se num avançado estado de degradação.

Lembrou que os pescadores da província do Huambo não recebem novos equipamentos, entre canoas a remo e a motor, redes e anzóis, há mais de cinco anos, recorrendo a redes de mosquiteiros, chinelas, usadas como bóias, e pedras, em substituição do chumbo, um instrumento muito rudimentar.

Neste sentido, Alberto Sousa da Silva informou que, dentre as 11 administrações municipais, apenas a do Londuimbali procedeu a distribuição de algumas redes, para minimizar as dificuldades dos pescadores, tendo em conta a importância da actividade piscatória na redução dos índices de pobreza nas comunidades.

Devido a falta de material, referiu que foram capturados apenas, nos primeiros cinco meses deste ano, 15 quilogramas de bagre e cinco de cacusso, contra as 37 toneladas de espécies diversas do igual período de 2018.

Entretanto, apontou os rios Cunene, Keve, Kunhongãmua e Cutato como os que melhores condições apresentam para a realização da actividade piscatória.

Alberto Sousa da Silva referiu ainda que o departamento de Pescas está a coordenador o processo de escavação de 50 tanques de criação de peixes, na comuna do Luvemba, município do Bailundo, por apresentar fortes potencialidade da actividade piscatória.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 18/06/2019 16:24:59

    Feira de produção local prevê mobilizar mais de 100 expositores

    Huambo - Cento e 22 expositores do ramo agrário, pecuário, industrial, serviços, mineiro, de inventores, hotelaria e turismo, é o número que se prevê mobilizar para a primeira edição da feira provincial de produção local e o fórum das potencialidades da província, a decorrer de 18 a 21 de Julho, nesta região do país.

  • 18/06/2019 11:39:26

    Huambo: INCA prevê duplicação da colheita na campanha agrícola 2018/2019

    Huambo - O Instituto Nacional do Café (INCA) na província do Huambo, Centro-Sul de Angola, prevê atingir uma colheita de 150 toneladas de café arábico, na campanha agrícola 2018/2019, contra as 75 da anterior, soube hoje, terça-feira, a ANGOP.

  • 14/06/2019 16:47:50

    Huambo: BUE constitui mais 112 empresas em cinco meses

    Huambo - O Balcão Único do Empreendedor (BUE) na província do Huambo constituiu, nos primeiros cinco meses deste ano, 112 empresas de diversos ramos da actividade comercial, mais seis em comparação ao igual período anterior.