Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

14 Agosto de 2019 | 16h06 - Actualizado em 14 Agosto de 2019 | 16h35

ENDE ainda com 70% dos clientes no sistema pós pago

Dondo - Pelo menos 70% de um milhão e 700 clientes da Empresa Nacional de Distribuição de Energia (ENDE) ainda faz o pagamento do consumo na modalidade pós pago, disse hoje o seu director Sérgio Dindanda.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à Angop, na cidade do Dondo, município de Cambambe, província do Cuanza Norte, o director explicou os demais clientes (cerca de 30%) estão já inseridos no sistema pagamento pré-pago.

Referiu que a empresa está apostada na modernização dos seus serviços, através da instalação de contadores para todos os clientes, visando repor justiça na cobrança, em função do consumo de cada um e mitigar os conflitos existentes entre a empresa e clientes.

Disse estar em curso a nível do país vários projectos que visam o aumento da potência na produção de energia, que merecerão o devido acompanhamento da ENDE.

Explicou, que a nova tarifa, em vigor desde Julho último, está em consonância aos critérios exigidos e resultantes dos investimentos feitos no sector.

Realçou que, apesar de não ser ainda uma realidade a nível nacional, a tão almejada implementação dos sistemas de cobrança decorrentes da instalação de contadores pré-pagos implicará maior sensibilidade dos consumidores, no que respeita à racionalização, porquanto cada um vai pagar o valor correspondente à energia consumida.

Sérgio Dindanda integrou a delegação do secretário de Estado da Energia, António Belsa da Costa, que terça-feira (13), efectuou uma visita de constatação dos trabalhos de injecção de massa betuminosa nos encontros da queda de água da barragem de Cambambe, visando eliminar algumas fissuras resultantes do alteamento do complexo hidroeléctrico concluído em 2017.


 

Leia também
  • 14/08/2019 10:14:27

    Obras de Cambambe provocam défice de mil e 887 MW

    Dondo - O sistema eléctrico nacional regista actualmente um défice de mil e 887 megawatts (MW) na produção de energia eléctrica, resultante do processo de descarga da albufeira da barragem de Cambambe, localizada na província do Cuanza Norte, iniciado no dia 8 de Agosto em curso.

  • 13/08/2019 18:42:02

    Barragem de Cambambe recebe caldas de cimento

    Dondo - O trabalho de injecção de calda de cimento nos encontros da queda de água da barragem de Cambambe, visando eliminar fissuras, resultantes do alteamento do complexo hidroeléctrico ocorrido de 2009 a 2017, decorre a bom rítimo.

  • 06/08/2019 17:06:29

    Bié já beneficia de energia de Laúca

    Cuito - A província do Bié começou a beneficiar de 30 megawatts (MW) de energia eléctrica da Barragem de Laúca (Malanje), o que eleva a disponibilidade para 46 MW, confirmou hoje (terça-feira), o director do gabinete de Infra-estruturas e Serviços Técnicos, Abel Paulo.