Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

21 Outubro de 2019 | 18h28 - Actualizado em 21 Outubro de 2019 | 18h28

Mais de 300 mil bovinos sem vacina no Cunene

Ondjiva - Trezentas e 87 mil cabeças de gado bovino, dos 472 mil concentrados nas zonas de transumância da província do Cunene, estão sem ser vacinadas desde o princípio deste mês, contra várias doenças, devido a falta de vacinas na região.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Cunene: Gado em transumância alimentando-se de feno na Cahama

Foto: TARCISIO VILELA

A província do Cunene controla 472 mil bovinos em processo de transumância, a maioria estacionada nas áreas da Cafima, Cubate, Mupa, Chivemba, Canganda, Mucupe, Sopia e Chipa, por falta de água e pasto provocada pela seca que assola a região desde Outubro de 2018.

Dos bovinos em zonas de transumância na província, apenas foram vacinadas no período de Agosto a Setembro deste ano, 85 mil animais contra carbúnculo hemático, dermatite nodular e hematico e pneumonia contagiosa.

Em declarações hoje à Angop, o director da Agricultura no Cunene, Pedro Tibério Tutaleni, disse que a campanha contou com 83 mil doses de dermatite hematico, 78 mil de nodular e 66 mil de pneumonia contagiosa, que não foi possível abranger todos os bovinos em áreas de transumância.

Informou que o país não importa vacinas há mais de dois anos, as doses utilizadas na campanha, resulta de excedentes de algumas províncias do país que canalizaram vacinas ao Cunene devido aos problemas que o gado enfrenta devido a seca.

Como consequência por falta de vacinas e banhos bovinos, para prevenir os animais das diferentes doenças, seis mil e 775 bovinos morreram e 140 mil encontram-se infectados por carraças no corredor de transumância do município do Cuvelai, sublinhou.

O responsável explicou que as carraças são ectoparasitas hematófagos que se alimentam do sangue de vertebrados, que causam doenças como a babosiose, plásmase e as dermatoses.

Pedro Tibério apelou os criadores de gados a comprarem as doses de vacinas no mercado namibiano, no sentido de ajudarem na prevenção dos seus animais, até que o governo faça chegar a província novas doses de vacinas.

Cunene conta com um milhão de cabeças de gado, afectadas pela seca que assola a região, desde Outubro de 2018, que já matou cerca de 30 mil animais, entre bovinos, caprinos e suínos.

Assuntos Província » Cunene  

Leia também
  • 18/10/2019 16:45:03

    Inadec precisa de 20 agentes fiscais

    Ondjiva - O Instituto Nacional da Defesa do Consumidor (Inadec) no Cunene necessita de pelo menos 20 agentes fiscais em diversas áreas, para a cobertura das actividades de fiscalização, segundo informou o responsável da instituição, Bernardo Hilundilwa.

  • 17/10/2019 16:02:24

    Governo aumenta apoio às famílias camponesas

    Ondjiva - Cento e 30 toneladas de sementes diversas estão disponíveis para distribuição às famílias camponesas da província do Cunene, que estão envolvidas na campanha agrícola 2019/2020, mais 105 toneladas em relação ao período anterior.

  • 10/10/2019 19:14:33

    Sexta Região Tributária com baixa de AKz 60 milhões

    Ondjiva - Três mil milhões, 367 milhões, 697 mil e 951 Kwanzas foram arrecadados de Janeiro a Setembro deste ano, pela Sexta Região Tributária da Administração Geral Tributária (AGT), que compreende as províncias do Cunene e do Cuando Cubango.