Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

06 Janeiro de 2020 | 20h17 - Actualizado em 06 Janeiro de 2020 | 20h58

Aposta na produção nacional reduz importação

Luanda - A aposta na produção nacional, através de iniciativas agro-industriais, vai ajudar a reduzir a importação de vários produtos ao país, declarou hoje, segunda-feira, o ministro da Agricultura e Florestas, António Francisco de Assis.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Ministro da Agricultura presencia arrumação de ovos produzidos na Fazenda Pérola Negra

Foto: Rosario dos Santos

Ministro da Agricultura visita emoresa SIGA e fazenda do Kikuxi

Foto: Rosario dos Santos

O governante, que falava no final de uma jornada de campo à fábrica SIGA e à Fazenda Pérola do Kikuxi, disse ser uma acção (visita) que terá continuidade e tem como propósito saber do estado actual da produção nacional.

Neste sentido, apelou aos investidores nacionais a primar pelo diálogo para que os problemas enfrentados nos seus investimentos tenham soluções conjuntas.

Por outro lado, destacou a produção de saco azul para a cobertura dos cachos de banana, uma iniciativa da fábrica Siga que poderá eliminar a importação deste utensílio plástico e não só.

Em relação à Fazenda Pérolas do Kikuxi, disse ser fundamental para o programa de redução das importações de ovo, principalmente, e a criação de condições para outros sectores de actividade a nível da agricultura, como é o caso da produção do milho, atendendo a necessidade da alimentação das aves.

Para ele, a produção de 650 mil ovos/dia é pouco e apela aos investidores a apostarem mais neste segmento.

Por sua vez, a administradora da Fazenda perolas do Kikuxi, Elisabeth Santos, afirmou que este ano o complexo vai apostar na produção de milho e de soja para baixar os custos de produção de ovo e frangos.

Acrescentou que os custos de produção são elevados, devido à aquisição de matérias- primas que representa 60 por cento do valor gasto para a produção em toda cadeia produtiva da fazenda.

A fazenda tem uma necessidade anual de 36 mil toneladas de milho e 14 mil e 400 toneladas de ração.

Em função disso, explicou que sem a produção de cereais é impossível manter a qualidade e o bom funcionamento da fazenda.

Disse estar em curso trabalhos para que a fazenda volte aos níveis de produção correspondente a capacidade instalada (um milhão de ovos/dia).

Assuntos Agricultura  

Leia também
  • 03/01/2020 12:56:05

    Camponeses da Serra de Kanda recebem inputs agrícolas

    Mbanza Kongo - Camponeses da comuna da Serra de Kanda, município do Cuimba, Zaire, receberam nesta quinta-feira inputs agrícolas, constituídos por enxadas, catanas e machados, uma oferta do governo provincial.

  • 30/12/2019 19:41:02

    Formação de quadros entre as prioridades do sector agrícola

    Luanda - A aposta na formação dos profissionais do sector agrícola e de outras áreas será prioridade do Ministério da Agricultura e Florestas no ano de 2020, informou hoje, segunda-feira, em Luanda, o titular da pasta, António Francisco de Assis.

  • 30/12/2019 08:05:03

    Agricultura familiar tem novo impulso em 2019

    Luanda - O sector da agricultura encerrou o presente ano (2019) com um dado animador para a classe camponesa, que viu quadruplicar o número de charruas de tracção animal distribuídas pelo Governo, durante a campanha agrícola 2019/2020.