Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

07 Janeiro de 2020 | 16h21 - Actualizado em 07 Janeiro de 2020 | 19h59

RAPP é um passo "gigantesco" na luta pela diversificação económica

Huambo - O director do Gabinete da Agricultura na província do Huambo, Abrantes Carlos, afirmou hoje, terça-feira, que a realização, em Abril próximo, do Recenseamento Agro-pecuário e Pescas (RAPP) representa um passo "gigantesco" na luta pela diversificação económica, tendo em conta a produção de estatísticas sobre a real situação do sector.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Director do gabinete da Agricultura, Abrantes Carlos (à esq.)

Foto: Aurélio Janeiro

Em declarações no seminário de capacitação para coordenadores das comissões provinciais e dos gabinetes municipais do recenseamento agro-pecuário e pescas, no qual participam delegados do Bié, Cuando Cubango e Huambo, disse que o RAPP vai trazer maior qualidade na produção nacional.

Abrantes Carlos realçou que esta iniciativa do Governo angolano visa, entre outras, criar condições para a recolha de dados na fase principal do recenseamento, isto é, recolher informações, produzir e difundir as estatísticas estruturais de base dos sectores da agricultura e das pescas, que permitirão a realização de estudos ou pesquisas por amostragem.

Estas pesquisas, segundo o responsável, contribuirão igualmente para a melhoria da produção de um sistema integrado de estatísticas agro-pecuárias e piscatórias, disponibilizando, deste modo, números exactos das famílias camponesas, áreas de cultivo, gado disponível, condições climáticas e outros factores que, actualmente, são feitos de forma imaginária.

“Sabe-se que a província do Huambo é o centro da agricultura no país, mas, infelizmente, é feita imaginariamente, com dados não concretos e não fiáveis. Daí a importância do recenseamento agro-pecuário e pescas, na planificação agrícola”, rematou.

O evento, com término previsto para sexta-feira, decorre em simultâneo por regiões, nas províncias do Huambo, Huíla, Luanda e Lunda Sul, ao abrigo do Decreto Presidencial 194/18, de 20 de Agosto, que cria a organização estrutural e funcional das comissões provinciais e gabinetes municipais do RAPP.

Essas comissões provinciais integram técnicos dos ministérios da Agricultura e Florestas e das Pescas e do Mar, bem como do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Huambo - Rainha do Milho de Angola

Para a época agrícola 2019/2020, foram preparados 414 mil hectares de terras, contra os 381 mil que estavam disponíveis na campanha anterior, um aumento da área de produção, estimada em 2,5 por cento, no quadro da estratégia da criação de condições para o aumento da produtividade, para fazer face aos desafios da diversificação económica.

Entretanto, espera-se uma colheita na ordem de um milhão e 148 mil toneladas de produtos diversos, com o objectivo de superar a produção da campanha anterior de milhão e 115 mil toneladas.

Deste modo, foram distribuídas mil e 228 toneladas de fertilizantes do tipo 12/24/12, a 211 mil famílias camponesas dos 11 municípios, além de disponibilizados 50 tractores para a mecanização agrícola.

Conhecida no passado como “Rainha do Milho de Angola”, a província do Huambo, planalto central de Angola, possui uma população de dois milhões, 519 mil e 309 habitantes, na sua maioria camponeses, que fazem das potencialidades agro-pecuárias a principal fonte de rendimento.

Possui uma extensão territorial de 35.771 quilómetros quadrados, que perfazem 11 municípios, e conta com 71 mil e 647 associações de camponesas e 14 mil e 939 cooperativas, num universo de 247 mil e 181 famílias.

Assuntos Província » Huambo  

Leia também
  • 19/12/2019 13:30:09

    Administração de Londuimbali distribui mais de quinze mil plantas de café

    Londuimbali - Quinze mil mudas de café Arábica foram distribuídos, esta quinta-feira, a 30 famílias camponesas da Ombala Cajimbi, adstrita ao município de Londuimbali, província do Huambo, numa iniciativa da administração local, que visa o fomento da produção do café e revitalização da cultura naquela circunscrição.

  • 17/12/2019 21:18:25

    Chineses ressaltam potencialidades da província do Huambo

    Huambo - As autoridades da cidade chinesa de Taizhou ressaltaram, esta terça-feira, que a província angolana do Huambo é “um bom exemplo” para o investimento, pela sua posição geo-estratégica e as potencialidades agro-pecuárias e turísticas que possui.

  • 17/12/2019 20:59:26

    Governo do Huambo busca estratégias para revitalizar parque industrial

    Huambo - O Governo da província do Huambo trabalha, com base na relação que deve existir entre a produção económica, instituições financeiras (bancos) e os empresários, para a consolidação de estratégias favoráveis à revitalização do parque industrial local, com foco no desenvolvimento sustentável da região.