Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

13 Janeiro de 2020 | 19h49 - Actualizado em 13 Janeiro de 2020 | 20h16

Chuva destrói 40 hectares de culturas diversas em Quilengues

Quilengues - Quarenta hectares de culturas diversas de cereais, tubérculos e hortícolas foram destruídos pelas chuvas e ventos fortes, que assolaram nas últimas 24 horas o município de Quilengues, província da Huíla.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Colheita ameaçada em Quilengues(Arquivo)

Foto: Pedro Vidal

Na presente campanha agrícola 2019/2020, que envolveu oito mil e 711 famílias, foram cultivados, na circunscrição, um total de 24 mil e 933 hectares.

O administrador municipal de Quilengues, Adriano Alberto Pedro, disse que os prejuízos, calculados em 50 mil toneladas de milho, massango, massambala, batata-rena e doce, mandioca, cenoura, tomate e cebola, podem reduzir a colheita da primeira época, em Março.

Segundo o gestor, os técnicos da Agricultura já estão no terreno para avaliar os danos causados pela chuva e apurar outras informações estatísticas.

A recuperação ou reposição de parte da produção devastada pela chuva, de acordo com o administrador, depende da mobilização dos agricultores e da quantidade de sementes disponíveis para replantação.

Adriano Pedro sublinhou que a chuva destruiu, igualmente, 15 residências na sede e nas comunas do Dindi e Impulo.

O rio Kalunga, que atravessa a sede municipal de Quilengues, transbordou devido à subida do volume das águas. Na sequência disso, as vias secundárias ficaram intransitáveis e alguns postes de energia eléctrica foram afectados.

O município de Quilengues, situado a 143 quilómetros a noroeste do Lubango, tem uma população estimada em 90 mil e 409 habitantes.

Leia também
  • 13/01/2020 18:35:56

    Prazo máximo para venda de divisas é de cinco dias - BNA

    Luanda - O prazo máximo para os clientes comprarem moeda estrangeira e efectuarem outras operações afins nos bancos comerciais é de cinco dias úteis, determinou o Banco Nacional de Angola (BNA).

  • 11/01/2020 09:00:07

    Município de Viana arrecada mais de 800 milhões de kwanzas

    Luanda - Oitocentos e quarenta e dois milhões, quatrocentos e quarenta e sete mil, seiscentos e três Kwanzas e vinte e oito cêntimos foram arrecadados pela Administração Municipal de Viana, durante o exercício económico de 2019, provenientes da aplicação de multas, emissão de licenças de construção, atestado de residência, agregado familiar e cobrança de taxas.

  • 10/01/2020 12:10:58

    Angolanos já podem comprar até USD 120 mil/ano

    Luanda - Os cidadãos angolanos já podem comprar moeda estrangeira no valor de até 120 mil dólares americanos/ano, para gastos com viagens, transferências unilaterais de natureza privada, incluindo para apoio familiar.