Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

21 Janeiro de 2020 | 19h25 - Actualizado em 21 Janeiro de 2020 | 19h17

Elefantes devastam culturas de camponeses

Ndalatando - Uma manada de elefantes está a destruir as culturas agrícolas e causar pânico no seio da população da comuna do Bindo, no município de Ambaca (província do Cuanza Norte).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Em declarações à imprensa, o soba da aldeia da Cananga, José António, esclareceu que nos últimos dois dias, os elefantes destruíram as plantações e produtos agrícolas da população.

Apontou as culturas da mandioca, bananal, feijão, milho, amendoim e o palmar como as mais visadas, situação que poderá provocar fome aos moradores da região, nos próximos tempos.

Disse ser a primeira vez que a produção dos camponeses da localidade é invadida por elefantes e que as técnicas de queima de pneus, produção de som com tambores e outros utensílios se tornaram ineficazes para afugentar os animais.

Fez saber que alguns camponeses começaram já a abandonar a circunscrição por temerem ser atacados pelos elefantes.

As populações apelam pela intervenção urgente de técnicos especialistas do Instituto de Desenvolvimento Florestal (IDF) visando contornar a situação e afastar os elefantes das zonas residenciais.

A situação de invasão das culturas dos camponeses por mandas de elefantes é frequente na província do Cuanza Norte, onde os municípios mais visados são o Golungo-Alto, Ngonguembo, Cambambe e agora Ambaca, situação que já resultou na morte de alguns aldeões em consequência de ataque dos referidos animais.

Leia também
  • 16/01/2020 16:35:01

    Macon reduz frequência na rota Luena/Saurimo

    Luena - A Macon, operadora privada de transportes colectivos, reduziu de duas para uma, a frequência diária de viagens na rota Luena/Saurimo e vice-versa, devido ao mau estado da estrada nacional 180.

  • 08/01/2020 18:12:18

    Veterinária prevê vacinar 38 mil cabeças de gado

    Malanje - Trinta e oito mil cabeças de gado bovino serão vacinadas este ano na província de Malanje, contra carbúnculo hemático e sintomático, soube hoje a Angop.

  • 03/01/2020 20:06:51

    Ministro entrega 3.500 pintos para fomento da actividade avícola

    Ndalatando - Ndalatando - O ministro da Agricultura e Florestas, António Francisco de Assis, entregou hoje três mil e 500 pintos para o fomento da actividade avícola na localidade de Pampa, município do Lucala, província do Cuanza Norte.