Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

13 Fevereiro de 2020 | 15h42 - Actualizado em 13 Fevereiro de 2020 | 15h42

Governo quer melhorar capacidade de resposta à população

Luanda - Os decisores públicos precisam passar informação em tempo real e correcta, para que se tomem decisões imediatas, visando a melhoria das condições de vida da população, declarou hoje, quinta-feira, em Luanda o ministro da Economia e Planeamento, Sérgio Santos.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O governante, que falava à imprensa no workshop nacional para analisar os planos e relatórios de informação dos governos provinciais, explicou que a estatística e o planeamento são instrumentos importantes para a gestão da administração pública.

Para ele, o uso correcto de técnicas para a recolha, tratamento de informações reportadas pelo GEPs e o uso das novas tecnologias de informação vai permitir aos decisores públicos melhorar a tomada de decisão e dar resultados concretos aos problemas enfrentados pela população.

“As informações não devem esperar um relatório trimestral ou mensal para que se possa dar respostas céleres sobre preços, disponibilidade de produção, entre outros assuntos que devem ser reportados de forma oportuna”, referiu.

Por outro lado, informou que será aberto um centro de formação de estatística para assegurar que se tenha metodologias correctas de recolha, tratamento e divulgação de informação de modo uniforme e com o mesmo formato.

Sérgio Santos reconheceu que se precisa reforçar o Sistema Nacional de Planeamento, justificando que o presente encontro visa passar as metodologias concretas para melhorar o papel desempenhado pelos GEPs.

Ao se referir aos constrangimentos na recolha de informação, devido à distância das comunas e municípios em relação às sedes das províncias, afirmou que se procura adoptar metodologias mais ligadas às tecnologias e qualidade de informação, para melhorar as técnicas de estatística correctas.

Assuntos Economia  

Leia também
  • 13/02/2020 13:35:57

    Grupo empresarial Geocuba quer dinamizar sector tecnológico

    Luanda - O grupo empresarial Geocuba pretende dinamizar o sector técnico e tecnológico, nas áreas da agricultura, topografia formação de quadros, de modo a facilitar no desenvolvimento da economia de Angola.

  • 13/02/2020 13:28:47

    Ministro da Economia quer BDA ao serviço do sector produtivo

    Luanda - O ministro da Economia e Planeamento, Sérgio Santos, disse esperar que o Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA) esteja ao serviço do sector produtivo do País e siga as estratégias do Executivo.

  • 12/02/2020 18:57:52

    Inadec encerra estabelecimentos comerciais por irregularidades

    Luena - Uma padaria e uma farmácia, localizadas no bairro Mandembué e Nzaji, no centro e arredores da cidade do Luena, foram encerradas, hoje (quarta-feira), pelo Instituto Nacional de Defesa do Consumidor (INADEC), por falta de higiene e por comercializar medicamentos expirados, respectivamente.