Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Economia

14 Fevereiro de 2020 | 13h45 - Actualizado em 14 Fevereiro de 2020 | 17h40

Total investe mil milhões de dólares no conteúdo local

Luanda - A Total E.P Angola investiu, entre 2018 e 2019, mil milhões na indústria de conteúdo local que presta serviços ao sector petrolífero, anunciou hoje o seu director-geral, Olivier Jouny.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Diamantino Azevedo, Ministro dos Recursos Minerais e Petróleos

Foto: Cedida

Director-geral, Olivier Jouny

Foto: Cedida

Este valor representa um quarto dos cerca de USD 3 mil milhões que a petrolífera mundial gastou nas suas actividades operadoras.   

O responsável, que falava à imprensa no Fórum de Fornecedores Locais, informou que a petrolífera ainda não possui um tecido industrial para alguns equipamentos específicos e complexos.

Das cerca de 600 empresas angolanas de conteúdo local certificadas pelo Centro de Apoio Empresarial (CAE), um terço deste número mostrou interesse em trabalhar com a Total no período de 2018 a 2019.

A multinacional produz actualmente mais de 650 mil barris de petróleo/dia, em Angola, através de seis FPSOs nos blocos 17 e 32, o que  representa cerca de 40% da produção do país.

Presentes em diferentes ramos de negócio, desde a Exploração-Produção de hidrocarbonetos (petróleo e gás) à Distribuição, o grupo Total pretende investir, no país, no sector da energia renováveis, pois é um dos líderes mundiais nesta actividade.

Todas as actividades da Total em Angola envolvem mais de mil e oitocentos colaboradores directos, oitenta por cento dos quais de nacionalidade angolana, que trabalham com um universo de cerca de mil e quinhentas (1500) empresas activas, fornecedoras de bens e serviços.

O fórum, uma iniciativa annual da Total EP, contou com a colaboração do Ministério dos Recursos Minerais e Petróleos e o Centro de Apoio Empresarial, foi aberto pelo titular do sector, Diamantino Azevedo.

Assuntos Petróleos  

Leia também
  • 14/02/2020 17:10:20

    Apenas 20% das empresas de conteúdo local estão certificadas

    Luanda - Apenas 600 empresas nacionais de conteúdo local, das mais de três mil que constam da base de dados do sector petrolífero, estão certificadas pelo Centro de Apoio Empresarial (CAE), o que representa 20% do total deste número, afirmou hoje o director nacional de Fomento de Quadros e da Cadeia de Valor, Domingos Francisco.

  • 14/02/2020 13:50:31

    Falta de postos de combustíveis afecta 33 municípios

    Luanda- Trinta e três municípios de Angola, dos 164, não dispõem de postos de abastecimento de combustíveis, quando a província de Luanda dispõem 36% do total de bombas do País.

  • 14/02/2020 12:57:28

    Executivo prevê atingir mil e 132 postos de combustível até 2022

    Luanda - O executivo angolano prevê atingir, até 2022, mil e 132 postos de abastecimento de combustíveis, de acordo com o cronograma estabelecido no Plano de Desenvolvimento Nacional (PND 2018-2022), disse hoje o director-geral do Instituto Regulador dos Derivados do Petróleo (IRDP), Albino Ferreira.