Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

10 Fevereiro de 2009 | 18h55 - Actualizado em 10 Fevereiro de 2009 | 18h54

Alunos do Mutu ya Kevela enquadrados em outras instituições de ensino

Educação

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar


Luanda - Os alunos que frequentavam a escola Mutu ya Kevela foram enquadrados em outras instituições de ensino, de acordo com as suas áreas de residência, explicou hoje o assessor da delegação provincial de educação, Lourenço Neto.

Em declarações à Angop, Lourenço Neto afirmou que os seis mil alunos que frequentavam da quinta a oitava classes na escola Mutu ya Kevela foram distribuídos pelas escola Primeiro de Maio, Ngola Kanine, Nzinga Mbandi e Ngola Kiluange.

Segundo a fonte, prevendo-se o encerramento do Mutu ya Kevela e do Puniv, o Governo de Luanda decidiu construir uma escola no bairro do Maculusso (no pátio do Nzinga Mbandi, na Ingombota), outras no Bairro Azul, município da Samba, e no espaço entre as escolas Ngola Kanine e o Juventude e Luta, no município da Maianga.

"Para garantir a vida escolar destes alunos, foram feitas listas para que a inclusão deles fosse feita independentemente do fim das obras que estão a ser feitas nos municípios da Ingombota, Samba e Maianga", explicou.

De igual modo, prosseguiu Lourenço Neto, os estudantes do instituto pré-universitário de Luanda (Puniv), adjacente a escola Mutu ya Kevela, deverão, no próximo ano lectivo, ser transferidos para o estabelecimento que está a ser construído no Nzinga Mbandi.

As escolas do primeiro ciclo do ensino secundário em construção nos municípios da Samba e Ingombota vão contar com 12 salas de aulas cada, uma de informática, quatro laboratórios, bloco administrativo e biblioteca.

No ano lectivo 2009, um milhão e 200 mil crianças e adolescentes vão frequentar a escola em Luanda, mais 400 mil alunos em relação ao ano de 2008.

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 24/01/2019 14:55:54

    Icolo e Bengo com mais de 100 novos professores

    Luanda - Cento e 47 novos professores foram admitidos no Concurso Público da Educação, em 2018, no município de Icolo e Bengo, ficando por preencher 139 vagas, disse o director municipal da educação, Afonso Nkuansambo.

  • 23/01/2019 17:37:34

    Escola da Vida Pacifica abre porta com mais de quatro mil alunos

    Luanda - Quatro mil e oitocentos e vinte alunos estão matriculados, para o ano lectivo 2019, na Escola da Vida Pacifica, localizada na Urbanização do Zango Zero, no município de Viana, em Luanda.

  • 22/01/2019 15:19:29

    Distrito do Rangel necessita de pelo menos sete mil carteiras

    Luanda - O distrito urbano do Rangel, em Luanda, necessita para este ano lectivo de pelo menos sete mil e 500 carteiras, para conferir melhor dignidade aos alunos que ingressam pela primeira vez e os de transição.

  • 12/01/2019 15:54:40

    Luanda alarga número de alunos no sistema de ensino

    Luanda - Quinze mil e 930 novos alunos serão matriculados no presente ano lectivo 2019, em Luanda, assegurou hoje, sábado, o director do gabinete provincial de educação, Narciso Bendito.