Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

14 Janeiro de 2018 | 06h00 - Actualizado em 15 Janeiro de 2018 | 07h50

Centro profissional do CFM abre as portas em Fevereiro

Lubango - O Centro de formação profissional do Caminho de Ferro de Moçâmedes (CFM), com equivalência de ensino médio, inaugurado em 2017, começa a ministrar aulas a partir Fevereiro próximo, garantiu sábado, no Lubango, o seu presidente do conselho de administração, Daniel Quipaxe.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Huíla: Daniel Quipaxe - pca do cfm

Foto: amélia oliveira

Huíla: Centro de formação do Caminho de Ferro de Moçâmedes

Foto: Morais Silva

O centro vai contar com os cursos de testes de materiais laboratoriais, simulador de locomotivas, manutenção e telecomunicações e sinalização ferroviária.

O responsável que falava à margem de uma visita de trabalho do ministro dos Transportes, Augusto da Silva Tomás, à província, afirmou que a abertura do centro obedece uma articulação com o Ministério da Educação e governo provincial da Huíla, para que em Fevereiro comece a ministrar os cursos previstos nos currículos ferroviários e abrir portas para outros cursos para alunos externos a empresas.

“As matrículas começam dentro de uma semana, depois de uma reunião de concertação com o governo da Huíla e alguns institutos técnicos sedeados na província para encontrar o figurino, quantidade de professores necessários e todas as variantes que concorrem para o bom funcionamento do centro”, disse.

Realçou que o CFM pretende continuar a diligenciar esforços para atingir a excelência e de forma gradual deixar a excessiva dependência do Orçamento Geral do Estado (OGE).

“Vamos trabalhar para arrecadar mais receitas para engordar os cofres da empresa, formar mais jovens com qualidade e competência, melhorando as condições sociais a todos os níveis dos nossos trabalhadores”, acrescentou.

O centro inaugurado em Julho de 2017 está implantado numa área de cinco mil metros quadrados, concluído dentro de 18 meses, com dois edifícios, um para o ensino, com capacidade de formar em simultâneo nos três turnos 600 alunos, outro para a hospedagem dos formandos com uma capacidade de 240 camas.

A visita de trabalho do ministro serviu para constactar as oficinas gerais do CFM e o centro de formação, assim como encorajar o novo Conselho de Administração da empresa a exercer as suas funções com afinco e dedicação.

Leia também
  • 14/01/2018 11:34:08

    Instituto privado ergue campus universitário no Lubango

    Lubango - Um campus universitário vai ser construído a partir deste ano no Lubango, província da Huíla, pelo Instituto Superior Politécnico Gregório Semedo (IGS), um investimento privado que visa fortalecer a formação de quadros nos distintos cursos técnico-profissionais, no âmbito da parceria público-privada.

  • 14/01/2018 07:30:21

    Ensino geral com mais de 84 mil vagas

    Luena - Oitenta mil e 624 vagas estão disponíveis no subsistema do ensino geral na província do Moxico, para o ano lectivo 2018, que inicia em fevereiro próximo em todo país, anunciou sexta-feira, no Luena, a directora provincial interina da educação, Telma Gouveia Mana.

  • 13/01/2018 10:00:58

    Abandono escolar no IMA preocupa responsáveis da instituição

    Ndalatando - Quase metade dos 520 alunos da 10ª a 12ª classe matriculados em 2017 no Instituto Médio Agrário (IMA), na província do Cuanza Norte, desistiram das aulas.