Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

09 Fevereiro de 2018 | 23h42 - Actualizado em 09 Fevereiro de 2018 | 23h42

Governo aumenta bolsas de estudo para filhos de antigos combatentes

Saurimo - Vinte filhos de antigos combatentes e veteranos da pátria irão beneficiar anualmente de bolsas de estudos, numa iniciativa do Governo Provincial da Lunda Sul, anunciou hoje (sexta-feira) o governador local, Ernesto Kiteculo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Anteriormente, o governo disponibilizava dez bolsas de estudo para os filhos dos antigos combatentes e veteranos da pátria.

O anúncio foi feito durante um encontro com o ministro dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria, João Ernesto dos Santos “Liberdade”, que se encontra desde hoje na província da Lunda Sul, para uma visita de 72 horas.

O governador informou que o governo trabalha no sentido de criar um cartão que facilita uma assistência médica e medicamentosa especial aos antigos combatentes e familiares, nos hospitais da província.

Quanto aos deficientes de guerra, Ernesto Kiteculo disse que estão a ser desenvolvidos contactos com empresas privadas, no sentido de ajudarem o governo a criar centros de reabilitação para esta franja.

No que toca a habitação, o governador frisou que serão criadas condições para privilegiar os antigos combatentes, inclusive na entrega de terrenos para a auto-construção dirigida.

A província da Lunda Sul controla 14 mil e 682 assistidos, dos quais sete mil e 939 são antigos combatentes, 623 deficientes de guerra, 190 viúvas de combatentes, cinco mil e 840 órfãos, 83 ascendentes e quatro acompanhantes.

Leia também
  • 05/02/2019 17:09:10

    Governo da Lunda Sul prioriza conclusão de escolas e unidades sanitárias

    Saurimo - O governo da Lunda Sul priorizar a conclusão, no primeiro trimestre deste ano, das obras de infra-estruturas escolares e sanitárias, com vista a reduzir a superlotação nas salas de aula e desafogar os hospitais.

  • 04/02/2019 16:52:30

    Alunos de Cambongo deixam de estudar em condições precárias

    Muconda - Os alunos da localidade de Cambongo, comuna do Cassai Sul, municipio do Muconda (Lunda Sul), deixam a partir de hoje, segunda-feira, de estudar em condições precárias (ao relento) com a entrada em funcionamento de uma escola primária com três salas de aula, inaugurada pelo governador Daniel Neto.

  • 31/01/2019 05:01:55

    ADPP forma 37 professores de ensino primário na Lunda Sul

    Saurimo - Trinta e sete novos professores de ensino primário foram formados nos últimos três anos pela Organização Não Governamental Ajuda para o Desenvolvimento de Povo para Povo (ADPP), no município do Dala (Lunda Sul).

  • 29/01/2019 13:03:12

    Alunos com necessidades especiais podem perder o ano lectivo

    Saurimo - A falta de uma escola definitiva pode condicionar o arranque do ano lectivo no ensino especial na província da Lunda Sul, colocando deste modo, seis mil e 200 crianças fora do sistema normal de ensino.