Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

08 Novembro de 2018 | 17h08 - Actualizado em 09 Novembro de 2018 | 07h29

Academia regula estratégias de intervenção de sectores produtivos

Luena - As reflexões e resultados produzidos pelas actividades académicas promovidas pelos estabelecimentos de ensino superior no Moxico podem contribuir na regulação das estratégias de intervenção nos diversos sectores produtivos e institucionais da vida social dos habitantes locais, o director geral do Instituto Superior Politécnico Privado Walinga (ISPPW) do Moxico, Albano Freitas Sapalo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Director Geral do Instituto Superior Politécnico Privado Walinga, Albano Sapalo

Foto: Kinda kyungu

Albano Freitas Sapalo, que falava na abertura das Iª jornadas científicas e pedagógicas da instituição de ensino, afirmou que as contribuições a serem produzidas serão amadurecidas.

Ressaltou o facto de as Iª jornadas científicas do ISPPW realizam-se num momento de profunda transformação socioeconómica no país, tendo em conta o desenvolvimento da sociedade, factor que obriga aos estudantes, docentes e demais investigadores a responder as exigências e necessidades actuais.

Para Albano Sapalo, isso exige também a direcção académica da instituição uma adaptação imediata dos conteúdos direccionados à formação de quadros capazes de corresponder à realidade do país e das necessidades da progressão científica e tecnologia.

Apesar de o caminho ser longo, disse ser necessário o início do processo, pois o docente universitário acredita que, através das actividades académicas, será possível à produção e à produtividade do conhecimento científico e não só.

Em dois dias os participantes vão abordar questões relativas aos desafios do desenvolvimento social da economia local, prevenção de condutas anti-sociais e selectivas em adolescentes, gestão de recursos no bloco operatório, projecto da educação ambiental e políticas demográficas.

O ISPPW conta com dois mil e 28 estudantes matriculados no presente ano académico, nos cursos de Pedagogia, Sociologia, Psicologia, Direito, Gestão de Recursos, Economia, Enfermagem e Laboratório Clínico.

Leia também
  • 08/11/2018 17:02:19

    Huíla acolhe 1º Congresso Internacional de Educação Primária

    Lubango - A província da Huíla acolhe de 21 a 23 de Novembro do ano em curso, na cidade do Lubango, o 1º Congresso Internacional de Educação Primaria sob o signo Repensar a Escola Primaria: Desafio da Globalização, numa iniciativa do Instituto Superior Politécnico Independente (ISPI).

  • 08/11/2018 12:20:40

    Finalistas do Liceu do Tuku expõem produtos diversos

    Mbanza Kongo - Uma exposição de produtos diversos feitos de material reciclado como papelão, latas, bordão e cartolina por 127 finalistas do Liceu do Tuku, município de Mbanza Kongo, província do Zaire, está desde terça-feira, patente nesta instituição do II ciclo de ensino secundário.

  • 03/11/2018 15:29:15

    Cooperação francesa realiza tournê "Eferveciências" em Angola

    Luanda - Uma tournê de conferências-espectáculos académica realiza-se de 6 a 9 de Novembro, em quatro províncias do País, no âmbito do inovador projecto "Eferveciências" (Effervesciences), a ser ministrada pelo pesquisador francês Richard Eastes, numa iniciativa da cooperação francesa em Angola, soube hoje (sábado) a Angop.