Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

13 Abril de 2018 | 20h08 - Actualizado em 13 Abril de 2018 | 20h07

Sinprof decreta fim da greve

Luanda - O Sindicato Nacional de Professores (Sinprof) pôs, nesta sexta-feira, fim à terceira fase da greve que decorria desde 9 deste mês, uma vez ter chegado a um entendimento com os ministérios da Educação e da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Guilherme Silva, presidente do Sinprof

Foto: Alberto Julião

De acordo com o comunicado tornado público pelo Sinprof, as aulas retomam o seu curso normal a partir de segunda-feira (16) e apela a todos os professores a cumprirem com o seu papel como formadores de personalidades, assim como aos encarregados de educação, no sentido de incentivarem os seus educandos a irem para as salas de aula.

 Por outro lado, exorta ao Executivo no sentido de cumprir com o cronograma de acções rubricado entre as partes, com destaque para a  aprovação até dia 31 de Maio de 2018 do novo Estatuto da Carreira Docente e sua  implementação.

Em declarações à imprensa,  o presidente da Sinprof, Guilherme Silva, afirmou  que o  cronograma de entendimento é constituído por seis acções como a  implementação do  Estatuto da Carreira Docente, a partir da base salarial de forma gradual a partir de Setembro de 2018.

O responsável realçou que os professores que estão nos escalões de base do ensino primário auxiliar, até ao primeiro ciclo que melhoraram o seu perfil  académico e profissional  vão começar a migrar do actual estatuto para o que será  aprovado pelo  Conselho de Ministros.

Fez saber que até ao mês de Junho desse ano deverá ser publicado o novo Estatuto da Carreira Docente no Diário da República e em Setembro engajamento para a implementação das actualizações de maneira gradual, tendo em conta a incidência dos professores na tabela salarial.

Desde 2013 que o Sinprof reclama pela aprovação do novo Estatuto da Carreira Docente, actualização de categoria dos professores, transição de professores do regime probatório para o quadro definitivo, entre outras reclamações que visam conferir melhores condições salariais e laborais aos docentes.

Assuntos Angola   Educação  

Leia também