Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

14 Junho de 2018 | 11h33 - Actualizado em 14 Junho de 2018 | 11h33

Sindicalistas querem mais envolvimento dos filiados

Ganda - O coordenador do grupo de acompanhamento do sindicato provincial de Educação em Benguela, Jeremias Feca, defendeu quarta - feira, no município da Ganda, maior engajamento dos sindicatos na luta pelas soluções dos problemas dos filiados.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Jeremias Feca, que falava no enceramento da 1ª conferência de balanço e reajustamento dos órgãos sindicais, apelou aos filiados a prestarem maior atenção ao trabalho e engajarem-se nas actividades laborais em prol do engrandecimento do país.

O responsável disse que ao professor cabe-lhe a responsabilidade na formação e educação do homem para o progresso humano e desenvolvimento social, tendo considerado de positivo o trabalho desenvolvido no mandato findo.

Já secretária do sindicato de educação na Ganda, Benvinda Jamba Gabriel, reconheceu, na sua intervenção, o empenho e dedicação das comissões sindicais e direções de escolas que directas ou indirectamente contribuíram para o êxito deste processo.

Durante o evento os participantes debruçaram-se sobre o balanço de actividades desenvolvidas nos últimos dois anos, perspectivou acçoes para desenvolvimento futuro de trabalho.

Com a participação de 83 delegados, foram eleitos nesta conferência 31 membros para o actual conselho municipal do sindicato, 15 da mulher sindicalizada e 25 delegados para participarem em Julho na 1ª conferência provincial de balanço e reajustamento dos órgãos sindicais em Benguela.

Leia também
  • 03/02/2019 22:29:23

    Benguela com condições criadas para escolarizar mais de 900 mil alunos

    Lobito - Pelo menos 930 mil e 457 alunos do ensino primário e secundário deverão retornar terça-feira próxima (05) às salas de aulas em 1.276 estabelecimentos públicos, privados e comparticipados da província de Benguela, para cumprir um calendário escolar de 180 dias lectivos.

  • 01/02/2019 21:14:20

    Escola da Centralidade do Lobito pronta para receber mais de dois mil alunos

    Lobito - Com capacidade para mais de dois mil alunos, com idades entre os cinco e 13 anos, a escola primária da Centralidade do Lobito, na província de Benguela, foi inaugurada pelo governador Rui Falcão, pouco mais de um ano desde que esta zona recebeu os primeiros moradores.

  • 31/01/2019 08:46:39

    Governo de Benguela garante mais 35 escolas no ano lectivo 2019

    Lobito - Pelo menos 35 novas escolas nos subsistemas de ensino primário e secundário poderão abrir ainda neste ano lectivo, na província de Benguela, perfazendo 383 salas de aula, disse, nesta quarta-feira, no Lobito, o governador de Benguela, Rui Falcão.

  • 26/01/2019 06:48:18

    Mais de 400 novos estudantes admitidos no Magistério do Lobito

    Lobito - Quatrocentos e quarenta estudantes foram admitidos para frequência da 10ª classe no ano lectivo de 2019, pela escola de Magistério BG-2013 comandante Kwenha, do Lobito, na província de Benguela, informou a directora do estabelecimento, Laurinda Viúme.