Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

10 Janeiro de 2019 | 11h43 - Actualizado em 10 Janeiro de 2019 | 11h59

IMA do Andulo com mais vagas em regime de internato

Andulo - Cento e 18 alunos da 7ª e 10 ª classes vão estudar, este ano, em regime de internato, no Instituto Médio Agrário (IMA), no município do Andulo, 130 quilómetros a norte da cidade do Cuito, província do Bié.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Segundo o director do IMA no Andulo, António Santos Cicato, o aumento de vagas este ano deveu-se a uma orientação do Governo local, para dar respostas as necessidades do sector agrário, através da formação de mais agrónomos. Comparativamente a 2018, houve um aumento de 54 estudantes no internato.

O IMA, inaugurado em 2008, tem capacidade para mil e 400 alunos, dos quais 360 em regime de internato, e forma técnicos médios em produção vegetal e animal, mecanização agrícola, gestão agrícola, recursos florestais e formação básica profissional de auxiliares de agricultura e de recursos florestais.

No ano lectivo de 2018, a escola matriculou mil 208 alunos. As aulas são asseguradas por 32 professores.

O instituto comporta um edifício com 22 turmas, salas de informática, laboratórios de física, química, biologia, multimédia zootecnia, ginásio, sala para práticas, oficinas, refeitório, lavandaria e campos para a prática desportiva.

Possui ainda dois blocos para internato e um refeitório com 180 lugares e 16 residências, sendo uma para o director e 15 para professores, um anfiteatro com capacidade para albergar 300 alunos, sistema de Internet para facilitar os trabalhos de pesquisa por parte dos anos e professores.

O município do Andulo possui uma população de 234.791 habitantes, na sua maioria camponesa.

O IMA já colocou no mercado do emprego mais de 800 jovens formados, nos últimos dois anos (2017 e 2018), na sua maioria trabalham no sector privado.

Leia também
  • 05/02/2019 14:54:48

    Novos professores em seminário de refrescamento no Bié

    Cuito - Duzentos novos professores admitidos na função pública, em 2018, no município do Cuito, capital da província do Bié, participam desde hoje, terça-feira, em seminário de refrescamento.

  • 01/02/2019 16:26:57

    Ampliada escola do projecto Criança Futuro no Cuito

    Cuito - A escola primária do projecto "Criança Futuro" foi ampliada para sete novas salas de aula, contra as três erguidas em 2004, um gesto da administração municipal do Cuito.

  • 01/02/2019 03:00:10

    Bié: Gabinete provincial da educação necessita mais 60 novas escolas

    Cuito - O gabinete provincial da educação no Bié, necessita de sessenta e seis novas escolas com doze salas de aulas cada, para diminuir o número de crianças que se encontram fora do sistema de ensino escolar e melhorar a qualidade do ensino e aprendizagem.

  • 30/01/2019 23:20:00

    Comunidade de Caluco ganha escola do ensino primário

    Cuito - Uma escola do ensino primeiro, com seis salas de aulas, para mais de 600 alunos, em dois turnos, foi inaugurada nesta quarta-feira, no bairro Caluco, arredores da cidade do Cuito, província do Bié.