Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

05 Fevereiro de 2019 | 21h33 - Actualizado em 05 Fevereiro de 2019 | 21h35

Alunos e professores do Huambo comparecem em massa no 1º dia de aulas

Huambo - O primeiro dia de aulas do presente ano lectivo no sub-sistema de ensino de base foi marcado, na província do Huambo, por uma afluência massiva de alunos e professores nas escolas.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

HUAMBO: Alunos voltam às aulas

Foto: Frank Beu

Desde muito cedo, as ruas voltaram a registar um movimento considerável de alunos em direcção aos estabelecimentos de ensino e, também, de encarregados de educação de alunos menores de idade.

Na escola primária 53, no bairro Académico, a sua directora, Anadita Muhongo, mostrou-se surpreendida com a grande afluência dos alunos, tratando-se do primeiro dia de aulas.

Confirmou, em declarações à Angop, estarem reunidas as condições necessárias para um ano lectivo tranquilo, augurando por bom aproveitamento no final das aulas.

Informou estarem matriculados, da iniciação até a 6ª classe, 1300 alunos, 185 dos quais pela primeira vez.

Quem também mostrou-se satisfeita com a presença em massa dos alunos, algo incomum no inicio das aulas, é a sub-directora pedagógica da escola 1, no bairro São Pedro, Maria Paula.

Informou, também, estarem criadas as condições necessárias para que, este ano, o processo de ensino-aprendizagem alcance melhores resultados.

Outras escolas em que a ANGOP constatou afluência massiva de professores e alunos são a do I ciclo do ensino secundário Comandante Bula, e as primárias 168, 34, 111 e 112, cenário idêntico nos três períodos.

Para este ano lectivo foram matriculados, na província do Huambo, 915.817 alunos, contra os 836.150 que frequentaram o ensino geral no ano lectivo 2018, sendo que pela primeira vez ingressaram ao sistema 186 mil alunos.

Trata-se de 598.149 alunos do ensino primário, 127.416 alunos no I ciclo, 42.565 no II ciclo do ensino secundário, 11.260 no II ciclo para formação específica de professores, 6.575 no II ciclo técnico-profissional e 17.700 para alfabetização, além de outros 6.064 no ensino privado.

Estão disponíveis 1.379 escolas, sendo 1095 do ensino primário, 93 do I ciclo do ensino secundário, 18 do II ciclo do ensino secundário, sete de formação de professores e quatro do ensino técnico-profissional.

Leia também
  • 05/02/2019 21:28:29

    Sector da Educação no Uíge terá 65 novas escolas em 2019

    Uíge - No âmbito da expansão da rede escolar no Uíge, o sector da Educação vai contar, no ano de 2019, com a construção de 873 salas de aulas, num universo de 65 novas escolas do ensino de base a serem erguidas pelo executivo local, anunciou hoje (terça-feira) à Angop, nesta cidade, uma fonte oficial.

  • 05/02/2019 17:09:10

    Governo da Lunda Sul prioriza conclusão de escolas e unidades sanitárias

    Saurimo - O governo da Lunda Sul priorizar a conclusão, no primeiro trimestre deste ano, das obras de infra-estruturas escolares e sanitárias, com vista a reduzir a superlotação nas salas de aula e desafogar os hospitais.

  • 05/02/2019 12:12:29

    Mil e 500 alunos de Quipungo em novas salas de aula

    Quipungo - Mil e 500 alunos começaram, nesta terça-feira, a estudar em condições mais cômodas, no município de Quipungo, com a inauguração, na segunda-feira, de 15 novas salas de aula.