Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

08 Fevereiro de 2019 | 12h32 - Actualizado em 08 Fevereiro de 2019 | 15h55

Icolo e Bengo ganha instituição do Ensino Superior

Icolo e Bengo - O município de Icolo e Bengo, província de Luanda, conta, a partir deste ano lectivo, com um instituto superior privado, com capacidade para 400 estudantes nos oito cursos disponíveis.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Localizado em Mazozo, a dez quilómetros de Catete e 60 de Luanda, o Instituto Superior Politécnico Atlântida (ISPA), vai ministrar os cursos de Direito, Pedagogia, Psicologia, Economia, Gestão de Recursos Humanos, Gestão de empresas, Gestão de Contabilidade e Relações Internacionais, revelou, à Angop, o responsável pela área de cooperação e intercâmbio, Manuel Delgado Gouveia.

A instituição está criada pelo Decreto Presidencial nº 168/12,de 24 de Julho, enquanto os seus cursos foram criados por meio dos Decreto Executivo nº433/12,de 24 de Outubro, e Decreto Executivo nº437/17,de 29 de Setembro.

De acordo com o responsável do ISPA, a escolha do local e dos cursos dependeu de um estudo preliminar sobre a procura na região, que recebe a sua primeira instituição do ensino superior.

Com matrículas abertas até ao final do mês de Fevereiro, para os períodos da manhã, tarde e noite, os interessados deverão pagar uma propina mensal de 15 mil e 990 kwanzas, o valor de cinco mil kwanzas para a inscrição, enquanto as matrículas custam dez mil e 500 kwanzas.

Apesar de a aderência não ser, ainda, satisfatório, revelou, presentemente estão inscritos 95 candidatos, dos quais 46 no curso de Pedagogia, 12 em Psicologia, o mesmo número em Direito e Gestão de Recursos Humanos, e em Gestão de Empresas nove (9). 

Em relação ao pessoal docente, informou que o ISPA recebeu 25 candidaturas de cidadãos locais, que se irão juntar ao pessoal efectivo.

Para garantir a segurança dos estudantes, a direcção do instituto está a trabalhar na instalação de postes de iluminação pública nos arredores para evitar assaltos, além de colocar autocarros de apoio aos estudantes que vivam na vila de Catete e em outros pontos estratégicos do município.

Manuel Delgado Gouveia explicou que as obras do ISPA de Icolo e Bengo começaram há três anos e vão continuar, uma vez que existe a intenção de construir na região um campus universitários com quadras desportivas, biblioteca e estruturas afins.

Leia também
  • 27/01/2019 22:07:16

    JMPLA prepara jovens para ingresso ao ensino superior

    Uíge - Seiscentos e 34 jovens que pretendem ingressar no ensino superior este ano terminaram sábado, na cidade do Uíge, um curso preparatório e de orientação escolar gratuito, promovido pelo secretariado provincial da JMPLA.

  • 27/01/2019 04:33:09

    JMPLA encerra ciclo preparatório e de orientação escolar gratuíto

    Cuito - Mais de quinhentos jovens candidatos ao ingresso no ensino superior no município do Cuito, Bié, encerraram sábado a quinta edição do ciclo de preparatório e orientação escolares, promovido pela Organização Juvenil do MPLA.

  • 24/01/2019 14:55:54

    Icolo e Bengo com mais de 100 novos professores

    Luanda - Cento e 47 novos professores foram admitidos no Concurso Público da Educação, em 2018, no município de Icolo e Bengo, ficando por preencher 139 vagas, disse o director municipal da educação, Afonso Nkuansambo.