Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

11 Dezembro de 2019 | 03h14 - Actualizado em 11 Dezembro de 2019 | 06h58

Cinquenta cidadãos concluem fase de alfabetização

Malanje - Cinquenta pessoas, das quais 48 mulheres, entre jovens e adultos, concluiram terça-feira um ciclo de alfabetização de seis meses, promovido pela igreja adventista do sétimo dia, no âmbito do projecto "Sim Eu Posso".

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O projecto é uma iniciativa do Ministério da Educação, que visa alfabetizar cidadãos nacionais, mas que admite o envolvimento e colaboração de quaisquer instituições na sua execução.

No acto de entrega dos certificados aos alfabetizandos, a directora regional das mulheres adventistas da missão nordeste de Angola, Anita Paulo Júnior, destacou que o processo de alfabetização levado a cabo pela igreja tem sido maioritariamente aderido por mulheres, quadro que deve ser invertido, porquanto existem muitos homens que não lêem nem escrevem, que provavelmente por complexo de inferioridade abstêm-se.

Realçou que, enquanto parceira do Estado e dada o factor de inclusão social que a alfabetização representa para o indivíduo, a igreja vai continuar a trabalhar no sentido de ajudar as pessoas que não sabem ler nem escrever.

Fez saber que o projecto “Sim eu Posso” em Malanje é desenvolvido em seis igrejas adventistas do sétimo dia, pelo que augura-se a alfabetização de muitas pessoas.

Por sua vez, o alfabetizador Américo Muinga lamentou a desistência de algumas alunas, sem causa aparente, o que resultou na redução do número de alfabetizandos comparativamente ao ano de 2018.

No ano passado a igreja alfabetizou 89 pessoas de ambos sexos.

O projecto, inserido no PAAE (Programa de Alfabetização e Aceleração Escolar), é desenvolvido em três etapas, sendo a primeira de treinamento (dez aulas), a segunda de ensino da escrita e leitura (42 aulas) e a última de consolidação (11 aulas).

Leia também