Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

15 Março de 2019 | 14h31 - Actualizado em 15 Março de 2019 | 14h30

Angola e Portugal realizam Semana de Ciência

Luanda - Uma Semana de Ciência entre Angola e Portugal será realizada de 18 a 20 deste mês, nas cidades de Lisboa, Porto e Bragança.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Maria do Rosário Sambo - Ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovacão

Foto: Gaspar dos Santos

Trata-se da primeira iniciativa do género entre os dois países, que pretendem, com esse passo, estabelecer a interacção entre investigadores angolanos e portugueses.

Outro propósito do encontro, que passará a ter periodicidade anual, é reforçar a rede de cooperação entre as instituições e os investigadores, com a realização de projectos conjuntos de investigação.

A delegação angolana ao encontro será presidida pela ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação, Maria Bragança Sambo, devendo integrar ainda o secretário de estado Domingos Neto.

Farão também parte quadros seniores daquele departamento ministerial e docentes, além de investigadores de instituições de ensino superior (IES) públicas e privadas e de investigação científica e de desenvolvimento (IDI), perfazendo 30 integrantes.

Estarão representadas 13 IES e duas IDIs, das províncias de Luanda, Cabinda, Huíla, Benguela, Uíge, Lunda Norte, Malanje, Bengo e Huambo.

Segundo a ministra Maria Bragança Sambo, a Semana de Ciência consta da declaração de intenções no domínio do Ensino Superior Ciência e Tecnologia e Inovação, assinada em Novembro de 2018 aquando da visita do Presidente da República, João Lourenço, a Portugal, para materializar os acordos.

Explicou que a iniciativa representa "um plano de acção de actualização dos acordos já existentes", para que se materializem no domínio do Ensino Superior, Ciência e Tecnologia.

"O ministério tem a responsabilidade de reforçar, encorajar e incentivar eventos do género a este nível. É um erro pensar que se pode alcançar o sucesso de forma isolada", expressou a governante, em entrevista exclusiva à Angop, cuja íntegra será publicada nos próximos dias.  

Assuntos Educação   Ensino Superior  

Leia também