Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

20 Agosto de 2019 | 11h15 - Actualizado em 20 Agosto de 2019 | 11h15

Instituto Nacional de Educação Especial forma técnicos na Lunda Sul

Saurimo - Trinta e cinco técnicos de educação e gestores escolares participam desde hoje (terça-feira) numa acção formativa sobre a política de educação especial e inclusiva, promovida pelo Instituto Nacional de Educação Especial (INEE).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

A formação, que terá a duração de oito dias, abordará temas como a matriz de provas, planificação, atitude do professor nas salas de aulas e o contexto da educação especial em Angola.

Na abertura da formação, a chefe de departamento do Instituto Nacional de Educação Especial, Marcelina Manuel, fez saber que a actividade tem como objetivo possibilitar a compreensão da política nacional da educação especial e viabilizar a sua aplicabilidade, assim como dotar os professores e gestores escolares de ferramentas que facilitem a sua actuação.

Sublinhou que a mesma permitirá a uniformização do processo de inclusão e definir diretrizes e estratégias de acção para que as redes de ensino assegurem o direito de acesso a uma educação de qualidade para todos sem excepção.

Marcelina Manuel explicou que a Política Nacional de Educação Especial dá possibilidades que todos estudem nas escolas gerais, com particular destaque, para os alunos com deficiência, transtornos do espectro autista e altas habilidades.

Por outro lado, o Gabinete provincial da Educação da Lunda Sul promove igualmente uma acção formativa de três dias, sobre as ferramentas pedagógicas, dirigida aos docentes do segundo ciclo das escolas do Luar, São Kizito e José Manuel Salucombo, na cidade de Saurimo.

A escola de ensino especial da Lunda Sul matriculou seis mil e 200 alunos, dos quais dois mil e 68 são crianças com deficiência auditiva, intelectual, de aprendizagem, transtorno de conduta, global e motora, assegurados por 115 professores.

Leia também
  • 20/08/2019 04:12:24

    Professores do magistério Mwene Vunongue em capacitação

    Menongue - Mais de 80 professores do magistério Mwene Vunongue, no Cuando Cubango, participam desde segunda-feira, numa formação pedagógica que visa aperfeiçoar, cada vez mais, os docentes em matérias viradas para a melhoria do processo de ensino.

  • 19/08/2019 17:05:17

    Sinprof capacita filiados sobre administração de conflitos

    Sumbe - Vinte líderes do Sindicato Nacional de Professores (Sinprof) da província do Cuanza Sul são capacitados desde hoje, segunda-feira, na cidade do Sumbe, sobre técnicas de administração de conflitos e habilidades de negociação em contendas.

  • 19/08/2019 16:15:42

    Famílias devem apoiar escolarização de crianças com deficiência

    Ndalatando - A inclusão de crianças portadoras de deficiências no sistema de ensino especial deve contar com a participação das famílias, defendeu nesta segunda-feira, em Ndalatando, província do Cuanza Norte, o técnico do Instituto Nacional de Educação Especial João Kisunji.