Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

19 Agosto de 2019 | 17h05 - Actualizado em 19 Agosto de 2019 | 17h11

Sinprof capacita filiados sobre administração de conflitos

Sumbe - Vinte líderes do Sindicato Nacional de Professores (Sinprof) da província do Cuanza Sul são capacitados desde hoje, segunda-feira, na cidade do Sumbe, sobre técnicas de administração de conflitos e habilidades de negociação em contendas.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Essa informação foi avançada hoje, à Angop, no sumbe, pelo secretário provincial do Sinprof do Cuanza sul, Manuel Calumbo, tendo explicado que o curso tem o objectivo de potenciar os líderes sindicais da região em matéria de negociação e gestão de conflito, para melhor defenderem os interesses da classe.

Com esse tipo de iniciativa, ressaltou, o Sinprof do Cuanza Sul estará mais forte e capaz de atender as necessidades dos seus associados, sustentando as suas posições.

“Não temos muito tempo a perder. Há necessidade de profissionalizar os líderes no sentido de conduzirem debates e negociações como a sociedade, bem como defenderem da melhor forma os interesses da classe", frisou.

Fez saber que trata-se da primeira formação do género e faz parte do programa do secretariado nacional, para dotar os seus associados com novas técnicas de argumentação em debates e conflitos.

Durante dois dias, os participantes vão ser capacitados em matérias sobre análise de políticas públicas, técnicas de mediação de conflitos, métodos de elaboração de projectos e actividades sindicais.

O Sinprof na província do Cuanza Sul existe desde 1996 e conta com 10.263 filiados.

Leia também
  • 19/08/2019 16:15:42

    Especialista quer famílias a apoiar escolarização de menores descapacitados

    Ndalatando - A inclusão de crianças portadoras de deficiências no sistema de ensino especial deve contar com a participação das famílias defendeu hoje, segunda-feira, em Ndalatando, província do Cuanza Norte, o técnico do Instituto Nacional de Educação Especial João Kisunji.

  • 15/08/2019 11:58:30

    Primeira universidade privada do Cunene arranca em 2020

    Ondjiva - A primeira instituição privada de ensino superior na província do Cunene começa a funcionar no ano acadêmico 2020, avançou hoje (quinta-feira), em Ondjiva, o director administrativo da mesma, Mário Lumbamba.

  • 14/08/2019 12:29:52

    Mais de 300 milhões de Kwanzas para pagar alfabetizadores

    Luena - Trezentos e sete milhões e 460 mil Kwanzas é o valor disponibilizado pelo Ministério da Educação (MED) para o pagamento de salários em atraso dos alfabetizadores, informou, nesta quarta-feira, no Luena, o director do Gabinete Provincial da Educação, Raimundo Ricardo.