Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

26 Agosto de 2019 | 11h25 - Actualizado em 26 Agosto de 2019 | 15h49

Angola reaprecia adesão ao Acordo Ortográfico

Luanda - A ratificação do Acordo Ortográfico, por parte de Angola, está a depender da adequação da especificidade das línguas de cada país, principalmente da grafia, afirmou, em Luanda, o secretário de Estado da Cultura, Aguinaldo Cristóvão.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Secretário de Estado da Cultura, Aguinaldo Cristóvão

Foto: Rosário dos Santos

Angola trabalha na elaboração do vocabulário ortográfico nacional e na terminologia da administração pública para a ratificação do Acordo Ortográfico de 1990, bem como na criação de dicionários e gramáticas.

O acordo, em vigor desde 1990, foi ratificado apenas por Portugal, Brasil, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe.

Angola mantém-se de fora, por considerar haver aspectos a acertar no referido acordo.

Aguinaldo Cristóvão, que falava à Angop sobre o processo de ratificação do acordo ortográfico, adiantou que países como Angola têm necessidades específicas em matéria de protecção, tanto da fonética, quanto da grafia.

Segundo o responsável, uma das exigências de Angola, desde o primeiro momento, tem a ver com o respeito à sua grafia, algumas delas decorrentes das línguas nacionais, além de outros aspectos técnicos.

Informou que está a ser efectuado um estudo com especialistas para ver como adequar as necessidades concretas de Angola, relativamente a determinadas expressões próprias dos países africanos, tais como letras que fazem parte da grafia das línguas nacionais.

Explicou que não se pode estimar uma linha temporal para a ratificação, por parte de Angola, pois decorrem debates com diversos sectores da sociedade, devido ao carácter mutável da língua e a sua relação com as dinâmicas sociais e culturais.

Assuntos Angola  

Leia também
  • 26/08/2019 15:00:09

    Semana académica reúne estudantes universitários

    Luanda - Estudantes universitários participam entre 6 a 8 de Setembro na primeira semana académica universitária, em Luanda, numa promoção da Refriango em parceria com a University e a Associação dos Estudantes da Universidades Privadas de Angola (AEUPA).

  • 23/08/2019 21:53:37

    Falta de especialistas dificulta ensino especial

    Luau - A falta de especialistas para manusear as máquinas braille está a dificultar o processo de ensino especial nas escolas abrangidas pelo Projecto Aprendizagem para Todos (PAT), em todo país.

  • 23/08/2019 12:28:09

    Luau necessita de mais 455 professores

    Luau - Quatrocentos e 55 professores do ensino primário e do l Ciclo são necessários no município do Luau, província do Moxico, para cobrir as necessidades do sector, anunciou o delegado local da Educação, Victor Jorge.