Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

12 Setembro de 2019 | 12h02 - Actualizado em 12 Setembro de 2019 | 17h52

Alfabetizadores recebem subsídios em atraso

Luanda - Os subsídios dos alfabetizadores em atraso do ano 2015 estão já disponibilizados nos Gabinetes Províncias da Educação, anunciou, nesta quinta-feira, em Luanda, o director nacional de ensino de adultos, Evaristo Pedro.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

aula de alfabetização na Igreja Metodista Unida (arquivo)

Foto: Foto cedida

Cada alfabetizador tem direito a um subsídio de 10 mil kwanzas mês.

Entre as províncias ainda com dívidas de 2015, indicou Huambo, Benguela, Cuando Cubango  e Cunene, Cabinda e Bengo.

Até 2015, de acordo com dados disponíveis, havia um registo de 18 mil alfabetizadores no país.

Em declarações à Angop, o responsável reconheceu não haver condições para liquidar de uma só vez os valores em atraso, porém o Estado assumiu o compromisso de pagar a dívida.

Nesta altura 12 províncias já estão a terminar o pagamento de 2015 e vão concentrar-se no pagamento de 2016.

Relativamente ao balanço do processo de alfabetização, Evaristo Pedro reconheceu haver um decréscimo de  500 mil, em  2018, para 495 mil, em 2019.

O processo conta actualmente com 9 mil e 600 alfabetizadores.

Para a alfabetização estão em execução, entre outros, os métodos “Sim Eu Posso”, que  é áudio visual, e “Gostar de Ler e Escrever”, que é mais abrangente.

O Ministério da Educação (MED) apresentou, recentemente, ao público o Plano de Acção para a Intensificação da Alfabetização e Educação de Jovens e Adultos EJA Angola.

O EJA Angola tem como objectivo intensificar a mobilização da sociedade, com um conjunto de actividades para sensibilizar as famílias e as empresas a aderir as aulas de alfabetização.

Assuntos Angola  

Leia também
  • 09/09/2019 15:30:19

    PIIM aumenta rede escolar

    Luanda - A operacionalização e execução do Programa Integrado de Intervenção aos Municípios (PIIM) poderá contribuir para o aumento da rede escolar em Angola, cifrada actualmente em 18 mil e 297 escolas.

  • 06/09/2019 16:18:08

    MED apresenta plano de alfabetização EJA 2019-2022

    Luanda - O Ministério da Educação (MED) apresentou, nesta sexta-feira, em Luanda, ao público o Plano de Acção para a Intensificação da Alfabetização e Educação de Jovens e Adultos EJA Angola.

  • 05/09/2019 22:14:12

    Projecto de alfabetização Nós Podemos abrange três províncias

    Luanda- O projecto de alfabetização da Igreja Metodista Unida, denominado ?Nós Podemos? começou com dois mil e setenta e cinco alunos matriculados, numa primeira fase, nas províncias de Luanda, Bengo e Uíge.