Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

26 Fevereiro de 2020 | 00h14 - Actualizado em 26 Fevereiro de 2020 | 10h55

Manuais escolares já nas 18 províncias

Luanda - O Ministério da Educação (MED) tem, até ao momento, cumprida a primeira fase de distribuição gratuita de manuais do ensino primário nas 18 províncias, cifrada em 33 por cento.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Manuais escolares em distribuição pelo país

Foto: Lino Guimarães

Para atender às necessidades do sector, o MED produziu, no presente ano, 37 milhões e 500 mil manuais do ensino primário, que estão a ser distribuídos às instituições de ensino público e privado.

A informação é do director do Instituto Nacional de Investigação e Desenvolvimento da Educação, (INIDE), Manuel Afonso, quando procedia ao balanço do processo de distribuição de manuais escolares do ensino primário no país.

Para o efeito, foram criados dois centros logísticos: Benguela e Luanda, para a recepção, armazenamento e distribuição às províncias.

Dados parciais disponíveis indicam que a província de Benguela recebeu 3.614.000, o Bié 2. 977.975, enquanto o Cunené recepcionou 80.275 livros.

Para o Cuanza Sul, foram 683.475 livros; o Huambo beneficiou de 1.947.400 mil livros; a Huíla, 5.241.275  livros e o  Namibe, 146.575 livros.

A província do Uíge recebeu, nesta primeira fase, 443 mil 450 manuais, Cabinda 46 mil e 800, o Cuanza Norte 12 mil 775 manuais, enquanto Malanje recebeu, até ao momento,  500 mil 824, e a Lunda Sul, 36. 383 livros

Nesta fase, o Bengo recebeu 77.025 manuais e o Cuando Cubango beneficou de 173.250 livros.

Os manuais serão distribuídos na sua totalidade até Março.

O Governo angolano gastou, para a produção de manuais, 16 mil milhões trezentos e oitenta e cinco milhões e 91 mil kwanzas.

O MED controla seis milhões de alunos no ensino primário nas escolas públicas e privadas.

Assuntos Angola  

Leia também
  • 20/02/2020 12:58:07

    País com canal educacional

    Luanda - Um canal de televisão denominado "Canal Educacional Angolano", estruturado para trazer conteúdos estritamente educativos, será lançado ainda este mês via TV Cabo.

  • 20/02/2020 12:49:20

    Encarregados apontam vantagens na regulação das propinas

    Luanda - Encarregados de educação e pais manifestaram, nesta quinta-feira, em Luanda, satisfação pela regulação dos preços das propinas do ensino privado em Angola, tendo em conta a actual conjuntura sócio financeira.

  • 19/02/2020 11:49:45

    MED quer denúncia de comportamentos negativos nas escolas

    Luanda - O director do Instituto Nacional de Investigação e Desenvolvimento da Educação, Manuel Afonso, afirmou, nesta quarta-feira, em Luanda, não existir razões para se impedir a entrada de alunos nas salas de aula por falta de material escolar.