Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Educação

02 Outubro de 2020 | 16h14 - Actualizado em 02 Outubro de 2020 | 16h13

Covid-19: Escola politécnica cria equipa de atenção primária

Luena - Uma equipa de atenção primária de saúde para prevenção da infecção por Covid - 19 foi criada este mês na Escola Superior Politécnica do Moxico (ESPM), para funcionar no retorno das aulas marcado para o dia cinco deste mês.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

1 / 1

Moxico: As condições de biossegurança no ISP

Foto: kinda kyungu

Moxico: Vice-Governador para área Social, Política e Económica, Victor da Silva

Foto: kinda kyungu

Em declarações hoje,sexta-feira, à imprensa, o responsável para área científica da escola, Ernesto Dumba Gabriel, explicou que a equipa está integrada por 30 elementos, entre docentes e estudantes do curso de Enfermagem.

“ Medir a temperatura dos utentes da instituição, afecta a Universidade José Eduardo dos Santos (UJES), e conduzir as pessoas suspeitas da enfermidade às unidades sanitárias de referência é o principal objectivo da equipa”, referiu.

Fez saber que o processo será associado a realização de acções de sensibilização sobre a necessidade do uso correcto da máscara, álcool em gel, lavagem constante das mãos com água e sabão e o distanciamento físico, entre outras medidas de prevenção.

O vice-governador do Moxico para Área Social, Política e Económico, Victor da Silva, que visitou nesta sexta-feira, as instituições do ensino superior públicas e privadas, no âmbito da constatação das condições criadas para o reinício das aulas, manifestou – se satisfeito com o que viu e ouviu.

Considerou que os 20 lavatórios, 18 baldes com torneiras, 12 doseadores com álcool em gel e seis pulverizadores, entre outros produtos de higienização e desinfestação montados na ESPM, são suficientes para prevenir a propagação da Covid – 19.

Com 36 salas de aulas, à instituição afecta à Universidade José Eduardo dos Santos, lecciona oito cursos, nomeadamente Física, Química, Matemática, Análises Clínicas, Informática, Enfermagem, Contabilidade e Geografia, absorvendo um total de três mil e 20 estudantes.  

No Instituto Superior Politécnico Privado Walinga, o governante foi informado, pela responsável do património Odília Gambola Chahuila, que as salas concebidas para 100 estudantes ficam reduzidas para 42 alunos apenas.

Odília Chahuila apresentou igualmente o aparato preparado para a prevenção da patologia, assegurando que as condições estão criadas para o reinício das aulas sem sobressaltos.

Já no Instituto Superior Privado (ISP), a directora administrativa, Fernanda Maria Braz, explicou que para evitar a fuga no processo de higienização das mãos, a escola colocou uma fita a partir do portão da entrada até aos lavatórios.

Para além dos meios de biossegurança, neste estabelecimento de ensino superior, Victor da Silva constatou a arrumação das salas de aulas, obedecendo o distanciamento entre as carteiras em todas as turmas.  

O vice-governandor mostrou – se, por outro lado, satisfeito ao saber que algumas escolas criaram plataformas digitais para melhor interacção entre os educandos e professores, sobretudo nos dias em que não haverá o contacto directo, face as restrições exigidas.

Leia também
  • 02/10/2020 15:12:29

    Covid-19: Governadora exige maior envolvimento das administrações

    Huambo - A governadora da província do Huambo, Lotti Nolika, exigiu, esta sexta-feira, um maior envolvimento das administrações municipais na criação de condições de biossegurança nas escolas, para se evitar a propagação da Covid-19, com a retoma das aulas no dia cinco deste mês.

  • 02/10/2020 14:48:49

    Mais de seis mil candidatos para concurso público na educação

    Caxito - Seis mil e sessenta e nove candidatos foram inscritos, na primeira fase, para o concurso público de ingresso na educação na província do Bengo, que decorreu de 01 a 30 de Setembro.

  • 02/10/2020 12:04:36

    Covid-19: Cuanza Norte redimensiona turmas para aulas

    Ndalatando - O redimensionamento das salas de aulas, com a redução do número de alunos por turmas, é uma das medidas a serem adoptadas pelas autoridades do Cuanza Norte, para conter os riscos de contaminação da Covid-19 no seio da população estudantil e corpo docente da província, informou o director do Gabinete local da Educação, Manuel Lourenço.