Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Entrevistas

18 Fevereiro de 2020 | 13h23 - Actualizado em 18 Fevereiro de 2020 | 13h23

Icolo e Bengo ganha escola para 600 alunos

Luanda - Uma escola com sete salas de aula, para atender 600 alunos do ensino primário até a 9° classe, foi inaugurada hoje (terça-feira) na aldeia do Nzenza do Golungo, município do Icolo Bengo, em Luanda.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Sala de aula

Foto: Angop

O estabelecimento, inaugurado pelo governador de Luanda Sérgio Luther Rescova, vai funcionar nos períodos da manhã e tarde e tem já matriculados 412 alunos para o presente ano lectivo.

A intenção, segundo Sérgio Rescova, é  resolver o problema do sector da educação em Luanda, acabando paulatinamente com  o ensino por debaixo de árvores.

Reconheceu que Luanda ainda tem muitas localidades com falta de instituições públicas de ensino e o número de crianças fora do sistema preocupa as autoridades da província.

Por seu turno, o presidente da comissão de moradores da aldeia do Nzenza do Golungo, João André, adiantou que com a construção da escola  estão criadas as condições para um ensino de qualidade.

“ A população agora está melhor servida, acabando com a deslocação das crianças numa distância de de sete a 20 quilômetros para  poderem estudar”, referiu  João André.

Já a aluna da 5° classe, Maria Vasco Domingos, que assistia as aulas por debaixo de árvores   mostrou-se satisfeita , explicando que na época chuvosa era difícil estudar.

A Aldeia do Nzenza do Golungo conta com cerca mil habitantes distribuídos por diversos bairros.

O município de Icolo e Bengo que dista a 60 quilómetros da cidade capital, Luanda, possui uma densidade populacional estimada em 81.141 habitantes que se dedica maioritariamente a actividades agrícolas e piscatória.

Leia também
  • 11/02/2017 13:30:57

    Angola: Tem de haver maior investimento nos hospitais - Director da Junta Nacional de Saúde

    Luanda - Angola deve aumentar o investimento nos hospitais, do ponto de vista técnico-material, de recursos humanos e reforço dos programas de prevenção a doenças crónicas não transmissíveis, para continuar a reduzir o investimento em serviços de junta médica, que custam ao Estado cerca de 4.174.143,37 kwanzas/ano, por paciente.

  • 06/01/2016 20:27:09

    Maioria dos automobilistas em Luanda pratica condução perigosa

    Luanda - Uma avaliação da Unidade de Trânsito de Luanda revela que os automobilistas na capital do país realizam com frequência condução perigosa. Em entrevista à Angop, que se segue na íntegra, o comandante da Unidade de Trânsito de Luanda, superintendente-chefe Catarino Roque José da Silva, explica como e os riscos desse comportamento negativo.

  • 21/12/2015 21:34:19

    Reverendo afirma que escola serve para despertar consciência dos cidadãos

    Luanda - A construção e proliferação de escolas, onde se instalava a Igreja Assembleia de Deus Pentecostal, para alfabetizar os angolanos antes da independência nacional, ajudou a despertar a consciência dos cidadãos, elevando o seu sentido patriótico e libertador, afirmou o reverendo da instituição, Francisco Domingos Sebastião.