Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

11 Janeiro de 2017 | 19h40 - Actualizado em 11 Janeiro de 2017 | 19h39

Projecto de lei alemão contra desigualdade salarial homens-mulheres

Berlim - O governo alemão adoptou na quarta-feira um projecto de lei para obrigar as grandes empresas a serem mais transparentes sobre as diferenças de salário entre homens e mulheres.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar


As empresas com mais de 200 trabalhadores terão que aplicar um direito à informação sobre os critérios de remuneração, e as de mais de 500 trabalhadores deverão publicar, além disso, um relatório regular sobre as diferenças de salário entre homens e mulheres.
             
O projevto de lei, muito debatido e sobre o qual os partidos da coligação de governo se colocaram em acordo em Outubro, foi muito criticado pelos conservadores, que acreditam que a medida vai significar mais "burocracia" para as empresas.
       
"Agora o caminho está livre para uma lei que vai quebrar um tabu importante: o de falar sobre o seu salário. O projecto de lei cria mais igualdade salarial entre homens e mulheres, através da transparência sobre a remuneração", disse a ministra da Família, a social-democrata Manuela Schwesig, num comunicado.
               
A Alemanha é um dos países europeus com maior diferença entre os salários de homens e mulheres - até 21 porcento em 2015, segundo o Departamento Federal de Estatísticas.

Embora cada vez mais mulheres trabalhem no país, muitas o fazem apenas em horário parcial, e em sectores que pagam salários mais baixos.

E comparando mulheres e homens com funções e qualificações iguais, a diferença de rendimentos por hora ainda é de 7 porcento.

Assuntos Sociedade  

Leia também
  • 11/01/2017 12:04:36

    França: Mulheres têm cada vez menos filhos na Europa

    Paris - A proporção de mulheres sem filhos não para de aumentar na Europa, especialmente na Espanha, Grécia e Portugal, devido as inúmeras "dificuldades", entre elas a de carácter económico, revelou nesta quarta-feira um estudo francês.

  • 05/01/2017 18:49:32

    Chapéu de Michael Jackson arrematado em leilão por 10 mil euros

    Lisboa - Um chapéu branco que o cantor norte-americano Michael Jackson utilizou para o vídeo da canção "Smooth Criminal", do musical "Moonwalker", foi recentemente arrematado em leilão por 10 mil euros, informou hoje a plataforma de leilões na internet Catawiki.

  • 04/01/2017 18:41:10

    Brasil teve 6,6 milhões de visitantes estrangeiros em 2016

    São Paulo - O Brasil teve 6,6 milhões de visitantes estrangeiros em 2016, um aumento de 4,8 porcento em relação a 2015, anunciou hoje o Ministério do Turismo brasileiro.