Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

06 Dezembro de 2017 | 17h58 - Actualizado em 06 Dezembro de 2017 | 17h58

Liga Árabe considera provocação mudança da embaixada dos EUA para Jerusalém

Cairo - O secretário-geral da Liga Árabe, Ahmed Abulgueit, classificou como "provocação injustificada" a intenção dos Estados Unidos de reconhecer Jerusalém como capital de Israel e de mudar a sua embaixada para esta cidade.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Bandeira da Liga Árabe

Foto: Angop


"A manipulação da situação de Jerusalém é uma provocação injustificada contra os sentimentos dos árabes - sejam muçulmanos ou cristãos - pelo seu valor religioso", disse Abulgueit.

Além disso, o secretário-geral pediu que todos os líderes do mundo falem sobre esse assunto com os Estados Unidos para impedir que o governo de Donald Trump tome essa "decisão desastrosa".

E também pediu que os países que ainda não reconheceram a Palestina como Estado que o façam.

A Liga Árabe convocou nesta quarta-feira uma reunião de emergência para o próximo sábado.

A organização expressou preocupação com as intenções dos EUA nos últimos dias, por considerar que o reconhecimento pode destruir totalmente o processo de paz e representar uma ameaça à segurança e à estabilidade na Palestina e na região.

Assuntos Política  

Leia também
  • 06/12/2017 08:58:26

    Trump faz anuncio formal sobre estatuto de Jerusalém hoje (Casa Branca)

    Washington - O presidente americano, Donald Trump, fará um anúncio formal hoje, quarta-feira, sobre a posição do seu governo a respeito do estatuto de Jerusalém, informou nesta terça (5) a porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders.

  • 05/12/2017 19:51:37

    Embaixador venezuelano na ONU renuncia a pedido de Maduro

    Caracas - O embaixador da Venezuela na ONU, Rafael Ramírez, alvo de acusações de corrupção na petrolífera estatal PDVSA, renunciou ao cargo a pedido do presidente Nicolás Maduro, segundo uma carta divulgada nesta terça-feira na sua conta no Twitter, citada pela France Presse.

  • 05/12/2017 18:18:28

    Escândalo sexual derruba representante mais antigo no Congresso dos EUA

    Washington - O veterano democrata John Conyers anunciou a sua aposentadoria na Câmara dos Representantes, nesta terça-feira, após mais de cinco décadas de serviços prestados, na sequência de acusações de assédio sexual por parte de ex-funcionárias.