Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

12 Setembro de 2018 | 11h47 - Actualizado em 12 Setembro de 2018 | 12h02

Ministra da Saúde espanhola demite-se por polémica com mestrado

Madrid - A ministra da Saúde espanhola, Carmen Montón, anunciou hoje a sua demissão do Governo devido a alegadas irregularidades na obtenção de um mestrado, apesar do Primeiro-ministro ter defendido a sua continuidade poucas horas antes.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

"Os espanhóis e espanholas têm um magnífico Presidente do Governo e para q ue esta situação não tenha influência, comuniquei ao Presidente a minha demissão como ministra da Saúde, Consumo e Bem-Estar Social", disse Montón, numa declaração à imprensa na sede do Ministério da Saúde, que começou com mais de 30 minutos de atraso face à hora inicialmente prevista (20:45 em Madrid).

Em causa estão alegadas irregularidades, noticiadas esta segunda-feira pelo diário espanhol diario.es, na obtenção de um mestrado no Instituto de Direito Público da Universidad Rey Juan Carlos (URJC), instituição que já reconheceu que as notas do mestrado da ministra foram alteradas e anunciou que iria rever "disciplina por disciplina" para averiguar como isso aconteceu e apurar responsabilidades.

Na sua declaração, ao início da noite, Carmen Montón reiterou que não cometeu qualquer irregularidade e afirmou que tem estado disponível para dar "toda a informação".

"Fui transparente e honesta. Como tenho reiterado, não cometi nenhuma irregularidade. Vou continuar a defendê-lo com toda a convicção e com a consciência muito tranquila", sustentou.

Assuntos Saúde  

Leia também