Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

19 Setembro de 2018 | 18h57 - Actualizado em 19 Setembro de 2018 | 18h57

Trump comemora "progressos extraordinários" com a Coreia do Norte

Washington - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, comemorou nesta quarta-feira os "progressos extraordinários" com a Coreia do Norte, um dia depois de uma reunião de cúpula entre as duas Coreias em Pyongyang.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Donald Trump, Presidente dos EUA

Foto: MANDEL NGAN

"Fazemos progressos extraordinários sobre a Coreia do Norte", disse Trump nos jardins da Casa Branca antes de dirigir-se para a costa sudeste do país para visitar as áreas devastadas pelo furacão Florence.

"Lembrem-se de uma coisa: antes de eu ser presidente, muita gente achava que uma guerra com a Coreia do Norte era inevitável", acrescentou.

"Hoje, as relações, pelo menos num nível pessoal, são excelentes", afirmou o presidente, sem mencionar a questão fundamental da desnuclearização.

O líder norte-coreano Kim Jong Un e o presidente sul-coreano Moon Jae-in anunciaram hoje o desejo de apresentar uma candidatura conjunta para organizar os Jogos Olímpicos de 2032, um novo sinal de aproximação entre os países da península coreana.

Também prometeram uma série de iniciativas bilaterais, tais como a organização de encontros regulares entre famílias separadas pela Guerra da Coreia (1950-53), e a intenção de conectar as suas linhas ferroviárias e rodoviárias.

O líder de Pyongyang também anunciou uma visita a Seul e concordou em encerrar uma área de teste de mísseis.
 

Assuntos Justiça  

Leia também
  • 19/09/2018 17:33:36

    Tribunal paquistanês ordena libertação do ex-primeiro-ministro

    Islamabad - O Tribunal Superior de Islamabad ordenou nesta quarta-feira a libertação do ex-primeiro-ministro Nawaz Sharif, condenado a dez anos de prisão por corrupção por não explicar a compra de quatro apartamentos de luxo em Londres.

  • 19/09/2018 11:46:12

    "Sinto-me mal por ele", diz Trump sobre juiz acusado de abuso sexual

    Washingtom - Donald Trump comentou esta terça-feira o caso do juiz Brett Kavanaugh, que foi nomeado por si para o Supremo Tribunal e que enfrenta agora alegações de abuso sexual.

  • 18/09/2018 19:11:09

    Cristina Kirchner volta aos tribunais na Argentina

    Buenos Aires - A ex-presidente da Argentina Cristina Kirchner compareceu à Justiça mais uma vez, nesta terça-feira, no âmbito de um processo por lavagem de dinheiro, um dia depois de ver a sua prisão preventiva solicitada no caso dos chamados "cadernos da corrupção".