Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

14 Abril de 2019 | 08h44 - Actualizado em 14 Abril de 2019 | 08h44

Médico de fertilidade usou próprio sémen gera 49 filhos

Roterdão - Os testes de ADN confirmaram que um médico holandês é o pai biológico dos filhos de 49 mulheres inseminadas artificialmente na clínica que dirigiu durante 40 anos, em Roterdão.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

 Jan Karbaat, apelidado de ‘médico inseminador’, era suspeito de usar o próprio sémen nas pacientes quando os tratamentos falhavam.

 Os resultados aos testes de ADN de 49 pessoas, confirmaram as suspeitas que se acumulavam há vários anos.

 As análises foram efectuadas no hospital Canisius Wilhemina, em Nimega, sul da Holanda.

 O caso ganhou dimensão em 2017, depois de um dos herdeiros legítimos de Karbaat ter aceite cruzar o ADN com o de 18 filhos de mulheres tratadas na clínica onde ele trabalhava.

 Quando os resultados demonstraram que eram todos irmãos, muitos mais pediram aos tribunais uma amostra de ADN do médico, falecido em 2017, aos 89 anos.

 Em Fevereiro, um juiz autorizou os interessados a comparar o ADN com o do médico, recolhido de vários artigos de uso pessoal que estão guardados num lugar secreto.

 O magistrado argumentou que tendo o médico usado «o próprio sémen com as pacientes sem as informar, os herdeiros legítimos como a viúva não podem reclamar agora que se respeite o anonimato do médico», adianta o jornal espanhol ‘El Periódico’.

Assuntos Internacional  

Leia também
  • 12/04/2019 15:29:08

    Coreia do Norte substitui seu presidente de honra

    Seul - A Coreia do Norte substituiu o seu chefe de Estado, presidente honorário que representa o país no exterior, por um homem incluído na lista de indivíduos sancionados pelos Estados Unidos por suspeita de abuso dos direitos humanos - informou a imprensa oficial, nesta sexta-feira (12).

  • 12/04/2019 04:34:33

    Homem é preso nos EUA acusado de incendiar igrejas centenárias

    Washington - A polícia do estado de Louisiana, nos Estados Unidos, prendeu na quarta-feira o homem de 21 anos acusado de atear fogo em três igrejas centenárias na região da cidade de Opelousas.

  • 12/04/2019 04:29:01

    Ministro uruguaio que renunciou morre aos 68 anos

    Montevideu - O ex-ministro da Defesa do Uruguai, Jorge Menéndez, que foi forçado a entregar o cargo no início deste mês após a revelação que o exército escondeu a confissão de um crime de um ex-militar na ditadura, morreu quinta-feira aos 68 anos.