Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

16 Maio de 2019 | 13h09 - Actualizado em 16 Maio de 2019 | 13h09

China oficializa detenção de dois canadianos por vender segredos de Estado

Pequim - O Governo da China tornou oficial nesta quinta-feira a detenção dos cidadãos canadianos Michael Kovrig e Michael Spavor, que estão há mais de cinco meses detidos, acusados de "compilar, fornecer e vender segredos de Estado a forças estrangeiras", noticiou a EFE.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Concretamente, o empresário Michael Spavor, é acusado de "vender e fornecer ilegalmente segredos de estado e informação de inteligência a forças estrangeiras", enquanto o diplomata em licença Michael Kovrig é acusado de compilá-los.

"A China tomou medidas coercitivas contra estes indivíduos de acordo com a lei. Tudo o que é feito na China é realizado de acordo com a lei e esperamos que o Canadá não faça comentários irresponsáveis sobre os procedimentos judiciais de outros países", afirmou categórico o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China Lu Kang.

Acrescentou que as autoridades chinesas fizeram as suas investigações "de acordo com as leis e regulamentações e que os direitos dos acusados foram garantidos".

Em Dezembro do ano passado, a China confirmou que Kovrig e Spavor estavam "sob investigação pelo seu suposto envolvimento em actividades que põem em perigo a segurança nacional do país".

Assuntos China  

Leia também
  • 15/05/2019 12:28:14

    Presidente chinês nega choque de civilizações apesar da tensão com EUA

    Pequim - O presidente chinês Xi Jinping negou a existência de um "choque de civilizações" pela tensão entre o seu país e os Estados Unidos, em particular pela guerra comercial, noticiou à AFP.

  • 14/05/2019 12:19:37

    China envia 71 toneladas de assistência humanitária à Venezuela

    Caracas - Um segundo avião com remédios e suprimentos médicos da China chegou à Venezuela nesta segunda-feira como parte dos acordos de cooperação "técnicos humanitários" firmados entre o governo de Nicolás Maduro e o país asiático, noticiou a AFP.

  • 05/11/2018 13:09:44

    China defende cooperação com Irão e critica sanções de Trump

    Beijing - O Governo da China lamentou hoje, segunda-feira, as novas sanções impostas pelos Estados Unidos ao Irão e defendeu a cooperação com esse país em virtude do acordo internacional assinado em 2015 com Teerão, conhecido como Plano Integral de Acção Conjunta (JCPOA, por sua sigla em inglês), informou a EFE.