Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

12 Setembro de 2019 | 15h24 - Actualizado em 12 Setembro de 2019 | 15h23

Venezuela celebra demissão de "um dos falcões preferidos" dos EUA

Caracas - O presidente da Assembleia Nacional Constituinte da Venezuela, Diosdado Cabello, celebrou a saída de funções de "um dos falcões preferidos" dos EUA, John Bolton, como assessor de Segurança Nacional da Casa Branca.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

BANDEIRA DA VENEZUELA

O presidente dos EUA, Donald Trump, reconheceu que Bolton "estava fora da linha" nas suas atitudes com respeito à Venezuela.

"O imperialismo demite pela porta dos fundos a um dos seus falcões preferidos para fazer guerra no mundo, a nossa Pátria resistiu a todos os seus ataques e continuamos de pé [...]". 

Para Cabello a mesma sorte espera os que obedeciam às instruções do ex-assessor na Venezuela.

"É a crua realidade, se não serves para cumprir as ordens dos chefes imperiais, te expulsam, te descartam, é isso o que vai acontecer com os seus lacaios na Venezuela, eles mentiram a Bolton e [ele] foi demitido. Para que saibam, aconteça o que acontecer Nós Venceremos!", diz.

Desde o início deste ano, a Venezuela vive uma grave crise política, económica e social que se agravou bastante, quando Maduro iniciou o seu novo mandato considerado ilegítimo pela oposição e os EUA decidiram apoiar a autoproclamação do presidente do parlamento, Juan Guaidó, como presidente interino da Venezuela.

A partir desta altura, Washington intensificou as sanções contra altos funcionários do governo de Maduro e adoptou medidas punitivas de carácter comercial e financeiro que afectam a extração e exportação de petróleo, a principal actividade económica venezuelana.

Assuntos Política  

Leia também