Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Internacional

27 Abril de 2020 | 21h23 - Actualizado em 27 Abril de 2020 | 21h23

Extremistas aproveitam-se da pandemia para espalhar ódio, diz Guterres

Nova Iorque - O secretário-geral da ONU disse hoje que os grupos extremistas estão a tirar proveito das medidas de isolamento social para intensificarem os seus esforços nas redes sociais, espalharem o ódio e recrutarem jovens, segundo a Associated Press.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Secretário-Geral da ONU, António Guterres (Foto arquivo)

Foto: Francisco Miudo

António Guterres, que falava durante uma reunião do Conselho de Segurança da ONU, recordou que, mesmo antes da pandemia, um em cada cinco jovens não estava a receber a educação necessária ou a trabalhar, e que um em cada quatro jovens eram afectados pela violência ou por conflitos.

“Estas frustrações e, francamente, os falhanços para lhes responder por parte daqueles que estão no poder actualmente, alimentam o declínio da confiança nas instituições políticas”, asseverou António Guterres.

“Quando surge um ciclo destes, é demasiado fácil para os grupos extremistas explorarem a raiva e o desespero, e o risco de radicalização escala”, fez notar o secretário-geral da ONU.

Ainda assim, Guterres destacou o exemplo de jovens na Colômbia, no Ghana, no Iraque e noutros países que se juntaram a equipas de voluntários para distribuírem material sanitário aos profissionais de saúde que estão na linha da frente no combate contra a Covid-19 e aos mais necessitados.

Assuntos ONU  

Leia também
  • 24/04/2020 18:56:48

    ONU alerta para aumento de homicídios na Colômbia

    Nova Iorque - Pelo menos 19 activistas de direitos humanos e líderes de associações foram assassinados desde o princípio do ano na Colômbia, disse hoje um porta-voz da Agência das Nações Unidas para os Direitos Humanos.

  • 24/04/2020 12:31:12

    Covid-19: ONU alarmada com restrições à comunicação social durante pandemia

    Genebra - A Alta Comissária da ONU para os Direitos Humanos, Michelle Bachelet, disse hoje (24) estar alarmada pelo aumento das restrições de vários governos à comunicação social independente e pelas “detenções e intimidações de jornalistas” durante a actual pandemia.

  • 09/04/2020 23:49:36

    Covid-19: Pandemia aumenta desigualdades para as mulheres - Nações Unidas

    Nações Unidas - A Organização das Nações Unidas (ONU) alertou hoje (quinta-feira) que as mulheres enfrentam riscos “exacerbados” ao nível da saúde, economia, segurança e proteção social, decorrentes da pandemia da covid-19, apenas “por causa do seu sexo.