Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

21 Dezembro de 2003 | 02h34

-

Luanda

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Miss Angola 2004 (centro) vai seguir o programa realizado pelas suas antecessoras

Foto: Foto Angop

Luanda, 21/12 - A vencedora do MissAngola-2004,Telma Sonhi, de 18 anos de idade, disse hoje à imprensa que seguirá o programa realizado pelas suas antecessoras, consubstanciado na luta contra o HIV/Sida, e espera valorizar a mulher angolana e o país no Miss Universo -2004.

Segundo ela, com a realização de campanhas sensibilizadoras, procurará ajudar a juventude, o seu principal alvo, a evitar e a proteger-se contra a epidemia que tem causado a morte de milhares de pessoas em todo mundo.

Telma Sonhi informou ainda que do seu programafazem igualmente parte os doentes de lepra, que na sua opinião têm sido esquecidos.

"Tanto as pessoas afectadas pela sida, tanto pelalepra devem merecer o carinho e apoio da sociedade - salientou.

Representante da Lunda-Sul, Telma Sonhi, com 1,73 centímetros de altura, do signo Sagitário, substitui Ana Manuel Sebastião, da província de Luanda.

A Miss é estudante de pedagogia no Instituto Médio Normal de Educação.

"Farei todo os possíveis no sentido de representar condignamente o país no concurso Miss Mundo-2004, de forma a defender a posição alcançada por Ana Sebastião em 2003", disse Telma Sonhi.

Ainda não refeita com a surpresa, a jovem que tem como hobby principal a dança, diz ter concretizado um dos sonhos da sua vida, tornar-se na Miss Angola.

"Não esperava ser tão cedo, mas sempre alimentei a esperança de um dia ser eleita Miss deste belo país e por esta razão considero-me a mulher mais feliz de Angola" - realçou.

Durante a gala, realizada no cine Atlântico e presenciada pelo presidente da República, José Eduardo dos Santos, e pela primeira dama, Ana Paula dos Santos, madrinha do comité, foram ainda eleitas Albertina Kaconda, 18 anos, miss Fotogenia e Pele de Seda, Jurelma da Silva, de 18 anos, como miss Simpatia e Rosa de Almeida, 17 anos miss Ebonet.

Para os cargos de primeira e segunda dama de honor, o júri, presidido pelo empresário José Mário, elegeu as concorrentes da província de Luanda, Silvia Anair e Ana Carolina Jorge, respectivamente.

Beleza, corpo, elegância, cultura geral, auto-confiança, habilidade e criatividade foram os aspectos usados pelo júri na escolha das representantes de Angola aos concursos Miss Universo, Mundo e África em 2004.