Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

15 Dezembro de 2002 | 10h14

-

Luanda

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ana Sebastião é a nova Miss Angola 2003

Foto: Foto Angop

Luanda, 16/12 - A eleição de Ana Sebastião como Miss Angola-2003 obedeceu aos critérios estabelecidos pelo comitéorganizador do concurso, disse, sábado à noite, em Luanda, um dosmembros do corpo de júri do evento, Kito Dias dos Santos.

Aquele membro do jurado adiantou que além da passagem de modelos (fatos de banho, traje tradicional, vestidos de noite e as questõesde cultura geral) o corpo de jurado teve igualmente em consideraçãoo resultado das entrevistas realizadas com as candidatas durante afase de preparação.

"Nós não nos guiamos só pelos aspectos ligados a beleza exteriordas jovens, mas também levamos em conta as conversas mantidasdurante os dias anteriores a eleição", asseverou Kito dos Santos.

Ao escolher a candidata de Luanda como Miss Angola-2003,assegurou, o júri fê-lo com a consciência tranquila e de ânimo leve, sem qualquer tipo de coerção.

Em relação a insatisfação manifestada pelo público, após oanúncio da vencedora do concurso, disse ser normal numa situação dogénero, pois cada pessoa presente no local tinha a sua candidatapreferida e o júri não pode agradar a todos.

Para ele, numa sociedade democrática como a nossa, as pessoassão livres de pensar e expressar o que quiserem desde que não faltem ao respeito dos outros.

Entretanto, algumas pessoas que assistiram ao concurso frisaramque das seis semi-finalistas submetidas ao teste de cultura geral acandidata de Luanda não apresentou argumentos fortes para ser eleitacomo a vencedora da sexta edição do concurso Miss Angola.

Segundo disse à Angop o jornalista da LAC José Cristóvão, em relação as demais concorrentes Ana Sebastião esteve muito fraca noque diz respeito a cultura geral, por esta razão não merecia acoroa.

Por sua vez, o jornalista do Jornal de Angola (JA), AlbertoPegado, frisou que a eleição da candidata da capital do país sódemonstrou a falta de justeza dos membros do corpo de júri.

Ana Sebastião sucede deste modo a benguelense, Giovana Pinto Leite, eleita Miss Angola-2002, em Dezembro de 2001, na cidade deBenguela.

Além de ser eleita Miss Angola-2003, Ana Sebastião, de 19 anosde idade e natural da província de Luanda, foi também escolhida MissEbonet pelos internautas.

Edy Chivinda da província do Huambo é a Miss pele de seda, aopasso que Magda Pinto, de Benguela, Miss simpatia e Regina Jones,Moxico, Miss fotogenia.

Para primeira e segunda damas de honor foram eleitas CelmaAntunes e Francelina Vicente, respectivamente, das províncias daHuíla e do Uíge.