Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

04 Outubro de 2008 | 13h10 - Actualizado em 04 Outubro de 2008 | 14h01

Teatro e dança preenchem homenagem a Teta Lando

Show

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Momentos de homenagem ao músico Teta Lando

Foto: Angop

Luanda - Com uma peça teatral montada pelo encenador e director do grupo Horizonte Njinga Mbande, Adelino Caracol, a Rádio Nacional de Angola (RNA) levou sexta-feira à noite, ao palco do Cine Atlântico, em Luanda, em cena uma opereta denominada “palavras à dimensão de uma obra” retratando a vida e obra do músico angolano Teta Lando.

Num espaço de aproximadamente uma hora, artistas angolanos, que intercalavam música, teatro, dança tradicional e declamação de poesia, conseguiram transportar ao público presente no recinto todos os passos dados por Teta Lando, desde a sua tenra idade na sua terra natal, M'banza Kongo, até aos últimos dias da sua vida.

Ao som dos batuques, actores e diversos grupos teatrais luandenses deram asas a imaginação, deixando em palco imagem de Teta Lando, os seus sonhos e as suas perspectivas sobre o futuro a cultura nacional, numa simbiose que mereceu a aprovação total do público presente no local da actividade.


  
Em dia consagrado a encontrar o vencedor da edição2008 do Top dos Mais Queridos, a organização caprichou nos itens da homenagem, criando um espectáculo, que apesar de ser inserido no programa da actividade, acabou por tornar-se num outro com algumas figuras de renome da música angolana.

Entre os ritmos tradicionais e o semba, os artistas escolhidos pela RNA para interpretarem alguns temas de Teta Lando não regatearam esforços, dando tudo em palco em nome de uma figura que muito contribuiu em prol do desenvolvimento da cultura angolana.

Acompanhados instrumentalmente pela Banda Monumental Show, Mário Gama, que interpretou “Eu Vou Voltar”, Patrícia Faria, com “Um Assobio Meu”, Lina Alexandre, com “Tata Ngento”, e Jeff Brown acompanhado pelo grupo KCY do Bié, mostraram aos presentes o valor e a força da música cantada e produzida por Teta Lando ao longo dos seus anos de vida.

Relembrando os velhos e áureos tempos que Teta Lando passou nos palcos nacionais e internacionais, os artistas conseguiram deixar no “ar o perfume" desta ilustre figura da música angolana.

Falecido em Julho deste ano, Alberto Teta Lando deixou um repertório em que se podem destacar "Um assobio meu", "Negra de carapinha dura", "Angolano segue em frente", "Reunir", entre outras canções de referência.

Além de vários LPs, o artista deixa um legado onde se incluem os discos compactos (CD), "Esperanças Idosas" e Memórias", este último uma colectânea de músicas escritas ao longo dos seus mais de 20 anos de carreira.

Teta Lando nasceu em 1948 em M'banza Kongo, antiga capital do Reino do Kongo, capital da província do Zaire.

O artista escreveu a sua primeira música em língua nacional Kimbundo, em 1964, intitulada" Kinguibanza", que o impulsionou para o "estrelato" entre 1965/66, altura em que grava o seu primeiro LP.

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 09/01/2015 07:20:40

    Angola: Anunciado projecto musical com parceria brasileira

    Luanda - Um projecto para o resgate da música tradicional angolana será implementado, ainda este ano, numa parceria com artistas brasileiros, anunciou esta quinta-feira à Angop, em Luanda, o actor Meirinho Mendes.

  • 09/01/2015 07:09:42

    Angola: actor apela maior relação com literatura

    Luanda - O actor angolano Meirinho Mendes apelou, quinta-feira, em Luanda, a sociedade para um maior relacionamento com a literatura, visando a melhoria da qualidade artística no país.

  • 09/01/2015 06:23:03

    Angola: Actor Meirinho Mendes termina tourneé no Brasil

    Luanda - O actor angolano Meirinho Mendes está já em Luanda, depois de uma tourneé de cerca de três meses no Brasil, onde participou de um festival e em programas de divulgação da cultura angolana.

  • 08/01/2015 23:49:21

    Angola: Oralidade angolana fortalece teatro

    Luanda - O actor Meirinho Mendes declarou hoje, quinta-feira, em Luanda, que a oralidade angolana favorece e fortalece o imaginário cénico, considerando o país um dos mais fortes à nível da tradição oral.