Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

08 Fevereiro de 2010 | 14h43 - Actualizado em 08 Fevereiro de 2010 | 14h42

Responsável defende criação de biblioteca no memorial do Rei Mandume

Cunene

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ondjiva – A directora do Arquivo Nacional de Angola, Alexandra Aparício, defendeu neste fim-de-semana, na localidade de Oihole, município de Namacunde (Cunene), a necessidade de se criar uma biblioteca para arquivo das principais obras protagonizadas pelo rei Mandume Ya Ndemufayo, visando facilitar os estudantes e homens de cultura a saberem melhor do seu reinado.

A responsável fez esta proposta quando dissertava uma palestra sobre " O reinado de Mandume e diplomacia", no âmbito da celebração dos 93 anos desde a sua morte, ocorrida a 6 de Fevereiro de 1917.

A fonte disse ser necessário que se construa uma biblioteca no memorial do Rei onde se possam encontrar diversos documentos, para proporcionar aos jovens estudantes uma investigação mais pormenorizada sobre a figura daquele herói da resistência colonial.

Mandume Ya Ndemufayo nasceu em 1891 e chegou ao poder em 1911. Foi um líder bastante determinado, sendo que o seu reinado travou grandes guerras contra o governo português que procurava a todo custo ocupar a parte sul de Angola.

Assuntos Província » Cunene  

Leia também
  • 08/11/2018 06:25:50

    Católicos e luteranos apelam cuidados na legalização de igrejas

    Curoca - Os bispos da diocese católica de Ondjiva, Dom Pio Hipunhaty, e da igreja luterana de Angola, dom Tomás Ndawanapo, apelaram nesta quarta-feira, no Curoca (Cunene), cuidados na legalização de igrejas, por receios de subversão da ordem social.

  • 19/10/2018 17:42:41

    Sucessor do rei Mandume será conhecido em 2019

    Ondjiva - O Sucessor do rei Mandume-Ya-Ndemufayo será conhecido em 2019, depois de 101 anos da morte do último rei dos Cuanhamas, informou hoje, sexta-feira, o porta-voz da comissão geral da restauração do Reino de Cuanhama, Pedro Tungeni.

  • 14/10/2018 12:31:21

    Cunene: Leandra Ndatalone eleita miss Kwanhama 2018

    Ondjiva - A estudante Leandra Ndatalone, de 19 anos de idade, foi eleita na noite de sábado Miss Kwanhama 2018, ao conquistar a coroa da mulher mais bela da cidade, numa cerimónia que envolveu 14 candidatas.

  • 14/10/2018 04:01:06

    Métodos de aprendizagem são apresentados no Cunene

    Ondjiva - Duas obras sobre métodos de ensino e aprendizagem, da autoria dos escritores Nicolau Mwesipewa e Alexandre ya Mwesipewa, foram apresentadas no sábado, na cidade de Ondjiva (Cunene).