Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

19 Dezembro de 2010 | 02h31 - Actualizado em 19 Dezembro de 2010 | 10h43

Miss Angola 2011 prioriza luta pela dignificação da vida das crianças desfavorecidas

Concurso

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Leila Lopes aponta a dignificação da vida como prioridade do seu mandato

Foto: Angop

Luanda - A Miss Angola 2011, Leila Lopes, apontou neste sábado, em Luanda, a luta pela dignificação da vida e das condições das crianças desfavorecidas e contra o Hiv/Sida como as principais metas do seu mandato.

Falando em conferência de imprensa após a sua eleição, a estudante do curso de gestão de empresas, de 24 anos de idade, afirmou que a dignificação da vida das crianças desfavorecidas do país e o combate à sida é uma tarefa que deve engajar toda a sociedade, no sentido de garantir um futuro melhor para esta camada social.

“São crianças que merecem uma atenção especial, razão pela qual vou dedicar parte do meu programa para atende-las e fazer com que tenham melhores condições de vida e um futuro que lhes garanta qualidade”, realçou.

Como cartão de visita do Comité Miss Angola, o combate ao Hiv/Sida, de acordo com Leila Lopes, é outro programa que será executado, através de campanhas de sensibilização, em coordenação com os demais parceiros da organização. “ É um programa traçado pelo comité e que deve ser executado com a ajuda de todos os angolanos”, reforçou.

Leila Lopes, que diz dividir-se entre a paixão por Benguela (terra natal), os museus e a vida europeia do país onde reside (como estudante) Reino Unido, suplantou 20 concorrentes para substituir no cargo Jurema Ferraz, detentora do troféu em 2010.

Como prémio pelo primeiro lugar, Leila Lopes leva para casa uma viatura zero quilómetros, uma jóia, um guarda-roupa completo, dois mil e quinhentos dólares (equivalentes em kwanzas), numa oferta do Banco de Fomento Angola (BFA), entre outros prémios.

Além da coroa de Miss Angola 2011, Leila Lopes ficou ainda com o título de Miss Fotogenia, uma atribuição dos repórteres fotográficos que cobriram o acto.

A gala teve a animação dos músicos Walter e Nicol Ananás, Emílio Santiago, Yola Araújo, Celso Mambo e do grupo Black Fofas.

Assuntos Angola  

Leia também