Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

23 Janeiro de 2011 | 02h40 - Actualizado em 23 Janeiro de 2011 | 02h40

Igreja de São José de Calumbo classificada como Património Histórico-cultural Angolano

Reconhecimento

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Luanda – A Igreja de São José de Calumbo, localizada no município de Viana, em Luanda, passou, a partir deste sábado, a ser considerada como património histórico cultural de Angola.


O descerramento da placa identificativa do Monumento Histórico Cultural aconteceu a margem de uma palestra subordinada ao tema “Luanda suas Gentes, Lugares de Memoria e Cultura”, orientado pelo jurista, escritor e jornalista, José Moreno Pereira da Gama, no âmbito do programa Central do Governo Provincial das celebrações do 435 aniversário da Fundação da cidade de Luanda.


A Igreja de São José de Calumbo é um templo de pequenas proporções, com nave e capela-mor, apresenta características dos princípios do século XVIII, tendo sido classificada como imóvel de Interesse Público pela portaria nº 10.678, publicada no boletim oficial nº 11 de 18 de Março de 1959-Iª Série.


Instado a pronunciar-se sobre o templo, o padre António Vigário, disse que “este Santuário é muito importante para a Igreja Católica, pois tem o nome de São José que é o patrono da Igreja Universal, realçando que este é um “reconhecimento ideal do que já existe”, esperando que este monumento dê cada vez mais frutos”.


A Igreja Católica como igreja mãe, sublinhou o prelado, abre as portas para todos, não só aos católicos, mas sim aos que querem repousar e reflectir sobre as suas vidas.


Por seu turno, José Moreno Pereira da Gama, orador da palestra subordinada ao tema “Luanda suas Gentes, Lugares de Memoria e Cultura”, deu a conhecer aos presentes que em 1575 estabeleceram-se vários presídios na margem direita do rio Kwanza, um dos quais era o presídio de “Calumbu” que data dessa época, e foi dependente da Capitania geral de Luanda.


Segundo o orador, depois de varias mudanças, finalmente por portaria 2706 de 9/7/1938-B.O. 28, Calumbo foi extinto e a sua área incorporada no posto de Bom Jesus, e por intermédio do outro Decreto Executivo nº 36/81 de 23 de Setembro é incorporado ao município de Viana, província de Luanda.


Calumbo contribuiu muito para o desenvolvimento da cidade de Luanda, referiu o palestrante, isto porque na área havia um porto, uma linha férrea que transportava as mercadorias do centro para o interior e vice-versa, sublinhando que todos estes elementos levam a reflectir e ter-se a necessidade de cada vez mais de se conhecer Calumbo e incorporar-se esses elementos históricos que comporta na grande história de Luanda.


A comuna de Calumbo tem uma extensão territorial de 212.5 quilómetros quadrados, fica situada a sul da comuna sede de Viana.

Assuntos Província » Luanda  

Leia também
  • 26/10/2018 05:18:53

    "Angola Restaurant Week"iniciou quinta-feira

    Luanda - Trinta e cinco estabelecimentos participam a partir de quinta-feira, em Luanda, na 5ª edição do "Angola Restaurant Week", onde durante uma semana apresentarão variados pratos da gastronomia feita no país.

  • 23/10/2018 13:01:01

    Livro intitulado Cuanza-Sul Conhece-te será lançado em Luanda

    Luanda - Um livro que retrata a implementação efectiva do sistema colonial português em algumas localidades do Cuanza-Sul nos períodos de 1561 a 1888, intitulado "Cuanza-Sul conhece-te e dá-te a conhecer" será lançado próximo mês nas cidades de Luanda e do Sumbe.

  • 13/10/2018 17:25:11

    Cazenga acolhe projecto de promoção cultural

    Cazenga - O projecto "palco aberto de artistas", destinado a descoberta de novos talentos teve início hoje, sábado, no Marco Histórico 4 de Fevereiro, município do Cazenga, em Luanda, uma iniciativa do músico, Tony Jony.

  • 13/10/2018 15:10:14

    Angola: Jéssica Pitbul lança o "Problema" na praça da Independência

    Luanda - A primeira obra discográfica intitulada ?O Problema? da kudurista Jéssica Pitbul foi autografada hoje, sábado na praça da independência.