Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

05 Março de 2012 | 14h35 - Actualizado em 05 Março de 2012 | 14h48

Cantor reconhece expansão do estilo gospel no país

Música

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Músico Manuel Simão Bambila

Foto: Angop

Luanda  - O músico Manuel Simão Bambila, conhecido do meio artístico como Bambila, realçou hoje, segunda-feira, em Luanda, a expansão da música gospel no país.

Em declarações à Angop, o cantor frisou que de 2005 até a presente data a música gospel está a crescer e a dar passos significativos em termos de criadores e de apreciadores.

“Andei pelo país em 2011 e pude perceber que mesmo no interior a uma grande aceitação da música gospel”, acrescentou.

Justificou que o crescimento do movimento da música gospel no país é fruto do aumento da qualidade dos próprios cantores, bem como um maior investimento neste segmento artístico.

Segundo Bambila a música gospel tem um poder para mudança de mentalidade da sociedade, pois traz uma  mensagem de esperança, fé e paz e que tem a base fundamental Deus.

“Muitas são as pessoas  que  eram violentas  e mudaram o comportamento quando começaram a ouvir música gospel, a partir daí tornaram-se  pacificas”, sublinhou.

Afirmou, por outro lado, que a música religiosa é  a mãe de todas as músicas porque a partir dela deriva a maioria de parte de géneros musicais, como o jazz,  blue,  rock,  pop, reggae, entre outros ritmos.

A música gospel é uma composição escrita para expressar a crença individual ou de uma comunidade com respeito a vida cristã.

Referiu  ainda que nos últimos tempos já se nota o interesse do público na compra de discos de música gospel ou assistir espectáculos deste género artístico, facto que não era muito comum antes.

O músico apelou aos fazedores da música gospel a continuar a cantar com maior responsabilidade, para ajudar na mudança de mentalidade da sociedade e no resgate dos valores morais e cívicos.