Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

17 Fevereiro de 2017 | 13h31 - Actualizado em 17 Fevereiro de 2017 | 13h31

Angola: Grupos da Samba querem lugares cimeiros no Carnaval2017

Luanda- Os grupos carnavalescos União Povo da Samba e Nova Geração do Mar, do distrito Urbano da Samba, têm como perspectivas os primeiros lugares da classe “A” e a subida de categoria na “B”, em adultos, no Carnaval de Luanda.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

União Povo da Samba durante desfile dos adultos (A) em 2016

Foto: Pedro Parente

Para o efeito, os dois colectivos, que no semba a dança de eleição, far-se-ão passar na pista da Nova Marginal ao som das músicas “Gravidez precoce” e “Fuga a paternidade”, respectivamente.  

Em declarações à Angop, o secretário da organização  do União povo da Samba, que desfilará na classe “A”, José Bernardo, disse que pretendem alertar, mais uma vez, os adolescente das desvantagens de uma gravidez na adolescência.

Já para o líder do União Nova Geração do Mar,  concorrente da classe “B”, João Jaime, a fuga a paternidade  é uma problemática que tem aumentado no seio  da sociedade angolana e o apelo ao combate a este mal é constante por parte dos responsáveis do governo.

João Jaime adiantou que o grupo junta-se a  corrente de sensibilização para despertar os pais e encarregados de educação.  

Quanto ao processo de preparação dos grupos, os dois líderes apontam dificuldades financeiras para a aquisição da indumentária, carros alegóricos,   confecção da bandeira,    alimentação para os integrantes como as  principais  dificuldades.  

José Bernardo informou que esforços estão a ser feitos no sentido de se conseguir os apoios necessários, afirmando que o grupo vai levar à Nova Marginal, ao ritmo da dança varina, mais  de  250  integrantes.

Com  dificuldades também  de espaços para ensaios do grupo, os membros do União Povo da Samba  ensaiam apenas ao fim de  semana.

Leia também