Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

08 Julho de 2017 | 10h13 - Actualizado em 08 Julho de 2017 | 13h20

Zaire: Mbanza Kongo e sua história na África Central

Mbanza Kongo - A histórica cidade de Mbanza Kongo (Zaire), antiga capital do Reino do Kongo, elevada a património mundial pela Unesco, detém um rico histórico-cultural dos povos da região da África Central (Angola, RDCongo, Congo Brazzaville e Gabão).

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Ao longo da época colonial, a cidade conheceu várias designações, tendo sobressaído a de São Salvador do Congo, nome que os portugueses haviam atribuído, segundo o seu desejo, já como potência colonizadora.

De acordo ainda com a sua génese histórica e cultural, a designação de maior relevo de Mbanza Kongo, na altura, foi a de Kongo dya Ntotela, símbolo de unidade e indivisibilidade dos bakongos, como o próprio nome indica.

Desde a fundação do Reino do Kongo, no século XIII, a cidade de Mbanza Kongo foi a capital, o centro político, económico, social e cultural, sede do rei e a sua corte, e como tal o centro das decisões.

Mbanza Kongo foi, no século XVII, a maior vila da Costa Ocidental da África Central, com uma densidade populacional de 40 mil habitantes (nativas) e quatro mil europeus.

Com o seu declínio, a cidade que se encontrava no centro do reino em plena “idade de ouro” transformou-se numa vila mística e espiritual do grupo etnolinguístico kikongo e albergou as repúblicas de Angola, Democrática do Congo, Congo Brazzaville e Gabão.

Com uma superfície de 7 mil e 651 quilómetros quadrados, Mbanza Kongo é limitado a norte com o município do Kuimba e pela RDC, a sul e a este com a província do Uíge e a oeste com os municípios do Tomboco e Nóqui.

Com população estimada em 155 mil e 174 habitantes (dados do último censo), a cidade de Mbanza Kongo possui cinco bairros, nomeadamente Sagrada Esperança, 4 de Fevereiro, 11 de Novembro, Álvaro Buta e Martins Kidito.

O kikongo é a língua predominante e falada pelos seus habitantes.

Assuntos Província » Zaire  

Leia também
  • 28/01/2019 15:58:51

    Inscritos 43 grupos carnavalescos para edição 2019

    Mbanza Kongo - Quarenta e três grupos carnavalescos, dos quais 11 infantis, estão já inscritos pelo departamento da Cultura, Arte e Património Histórico do Gabinete Provincial da Cultura, Turismo, Juventude e Desportos no Zaire para participar no Carnaval 2019.

  • 10/01/2019 11:46:48

    Membros do comité de gestão participativa querem dinamismo nas acções

    Mbanza Kongo - Os membros do Comité de Gestão participativa do Centro Histórico de Mbanza Kongo, província do Zaire, recomendaram, na quarta-feira, maior dinamismo na implementação das orientações da Unesco.

  • 09/01/2019 13:22:38

    Comité de gestão balanceia recomendações da Unesco sobre Mbanza Kongo

    Mbanza Kongo - Os membros do Comité de Gestão Participativa do centro histórico de Mbanza Kongo, província do Zaire, encontram-se reunidos desde a manhã de hoje (quarta-feira) para, entre outros assuntos, balancear o grau de cumprimento das recomendações saídas da 41ª sessão do comité do património mundial da Unesco sobre esta cidade elevada a património mundial a 08 de Julho de 2017.

  • 08/01/2019 18:55:46

    Anunciada requalificação do centro histórico de Mbanza Kongo

    Mbanza Kongo - A secretária de Estado da Cultura, Maria da Piedade de Jesus, anunciou nesta terça-feira, em Mbanza Kongo, província do Zaire, o arranque este ano dos trabalhos de requalificação do centro histórico desta cidade património mundial.