Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

30 Novembro de 2018 | 21h26 - Actualizado em 30 Novembro de 2018 | 21h48

Bienal da Paz de Luanda satisfaz ministros da cultura da CEEAC

Luanda - O Conselho de Ministros da Cultura da Comunidade Económica dos Estados da África Central (CEEAC) congratulou-se com a realização, em Setembro de 2919, da Bienal da Paz de Luanda, numa iniciativa conjunta da UNESCO, União Africana e do governo angolano.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

O anúncio foi feito pela ministra da Cultura de Angola, Carolina Cerqueira, que convidou os países da África Central e organizações regionais a associarem-se a esta grande manifestação artística e cultural que prestigia, não somente Angola, como o continente africano, em geral, num compromisso e engajamento com a paz, amizade e solidariedade mundial entre os povos.

A Bienal de Luanda visa envolver os países africanos numa corrente destinada à promoção de uma cultura de paz, de harmonia e de irmandade entre os povos através de actividades e manifestações culturais e cívicas, envolvendo as elites africanas e representantes da sociedade civil, autoridades tradicionais e religiosas, assim como intelectuais, artistas e desportistas.  

Pretende-se ainda a criação de um movimento africano que possa disseminar a importância da cultura de paz, tendo em conta o desenvolvimento e afirmação dos países africanos em vários domínios, particularmente na defesa dos direitos humanos e das minorias, assim como o combate à corrupção.

O conselho, que foi precedido da reunião dos peritos iniciada a 27 do mês corrente, foi oficialmente aberto nesta sexta-feira, 30, pelo Primeiro ministro da República do Congo, Clément Moumba.

Os ministros ou seus representantes afirmaram o seu engajamento em trabalhar para o desenvolvimento e a promoção da cultura e das indústrias. culturais e criativas.

O conselho aceitou a oferta da República Democrática do Congo para albergar o próximo Conselho de Ministros da Cultura  da CEEAC.

O encontro, que decorre sob o lema o desenvolvimento e promoção da cultura na África Central, tem como foco as políticas culturais da região e a promoção das indústrias culturais e criativas, com vista à integração social, a promoção da economia da cultura e a criação de estruturas regionais de promoção do sector cultural.

Assuntos Angola  

Leia também