Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

01 Setembro de 2018 | 22h30 - Actualizado em 03 Setembro de 2018 | 11h46

Livro sobre o percurso dos aeronáuticos lançado em Luanda

Luanda- A trajectória percorrida pelos técnicos aeronáuticos, forjados após a independência de Angola em 1975, vem narrada no primeiro trabalho temático "O percurso e os valores de um aeronáutico", escrito por Sebastião Ló, lançado hoje em Luanda.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

 O livro, com 116 paginas, está dividido em quatro partes, sendo "A procura do caminho","Os voos e o trabalho no maldito tempo de guerra" ,"Os voos e o trabalho no bendito tempo de paz", e  "Os marcos do meu percurso", procura transmitir a evolução do sector aeronáutico, a sua experiência ao entrar nos quadros da aviação, numa fase peculiar da historia de Angola, com todas as peripécias, avanços e recuos, incompreensões e mal-entendidos.

O escritor, dramaturgo e ensaísta  João Maiomona, que apresentou a obra, disse que na referida biografia, de caracter pedagógico, pode-se encontrar princípios de solidariedade, amizade amor à pátria numa dimensão histórica.

Para o jornalista Raimundo Salvador, que fazia o enquadramento histórico e cultural da obra, o escrito destaca-se no cenário angolano pela singularidade, por raras vezes em Angola se registar obras de tal natureza, pelo que apelou aos presentes a documentarem as instituições onde funcionam .         

Disse que a partir da obra pode-se perceber a evolução da instituição e o trabalho heróico realizado por homens como o escritor, citados no referido livro, onde na década 80 em algumas partes de Angola, como é o caso do Luena, provincia do Moxico, era caracterizada pela presença militar estrangeira .

"Só o patriotismo explica a força que motivou e permitiu que tivéssemos um serviço aeronáutico daquela dimensão, é uma temática que deve ser explorado pelas cadeias de televisão angolana", defendeu.

Explica ser importante que a nova geração de profissionais conheça a historia da instituição para que os pioneiros possam ser respeitados e valorizados .

Sebastião Ló, técnico aeronáutico reformado há três anos, trabalhou em 14 aeroportos de Angola, nasceu há 63 anos na província do Uíge.

Leia também