Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

15 Fevereiro de 2019 | 09h51 - Actualizado em 15 Fevereiro de 2019 | 09h51

Colectivo de artes Eliandjo retrata problemas sociais em teatro

Huambo - Cenas relacionadas com a infertilidade, delinquência juvenil e infidelidade nos lares, das quais resultam em violência doméstica, serão retratadas no festival de teatro, que acontece entre os dias 16, 17, 23 e 24 do mês em curso, na cidade do Huambo, numa iniciativa do colectivo de artes Eliandjo.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Teatro

Foto: Angop (arquivo)

Em declarações hoje, sexta-feira, à ANGOP, o director artístico do grupo, Quintino Manuel Sangula, disse que a intenção é chamar a atenção da sociedade local acerca dos diversos males que concorrem para a desestruturação familiar.

Apontou os jovens e adolescentes como sendo o público-alvo do festival de teatro, por admitir serem os mais vulneráveis a assumirem comportamentos negativos, quando não são bem acompanhados pelos pais.

Quintino Manuel Sangula disse que a exibição das peças “Encruzilhadas”, “Desequilíbrio da Vida”, “Maldição dos Mortos” e “A verdade que não queria ouvir” servirão, também, para desencorajar a sociedade a práticas de obtenção fácil de riqueza, prejudicando outras pessoas para ter vantagens no local de serviço.

Composto por 12 jovens, com idades entre os 20 aos 33 anos, o colectivo de artes Eliandjo, expressão em língua nacional umbundo que significa, em português, “estar a vontade”, foi fundado a 4 de Abril de 2016, tendo participado, em 2018, no festival inter-provincial de Teatro, em alusão aos 401 anos da cidade de Benguela.

Assuntos Província » Huambo   Teatro  

Leia também
  • 21/01/2019 17:51:14

    Carnaval2019 avaliado em 20 milhões de Kwanzas

    Huambo - Vinte milhões de Kwanzas é o valor a ser gasto, este ano, para a realização do Carnaval 2019, cujo desfile provincial acontece entre os dias 3 e 5 de Março, informou hoje, segunda-feira, à ANGOP, o chefe do departamento da Cultura, Venceslau Casese.

  • 10/01/2019 11:19:12

    Huíla sem salas para actividades culturais

    Lubango - Artistas huilanos reclamam pela falta de espaço apropriado para actividades culturais ( espectáculos musicais e exibição de peças teatrais), para que possam levar ao público consumidor o resultado das suas criações artísticas.

  • 08/01/2019 19:26:15

    Agentes culturais no Huambo querem mais apoio do Governo

    Huambo - Agentes culturais da província do Huambo solicitaram hoje, terça-feira, nesta região do país, mais apoios do Governo, para o fomento e valorização da produção cultural local.