Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

08 Março de 2019 | 18h27 - Actualizado em 09 Março de 2019 | 07h54

Cultura destaca contribuição de Maria Eugénia Neto no mundo letras

Luanda - A contribuição na afirmação, valorização e promoção da cultura angolana, através da literatura, da escritora angolana Maria Eugénia Neto, foi destacada, nesta sexta-feira, pelo Ministério da Cultura.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Escritora Maria Eugénia Neto (arquivo)

Foto: Henri Celso

Numa mensagem de felicitações por ocasião de mais um aniversário da escritora que se assinala neste 8 de Março,  Maria Eugénia Neto é apontada como um exemplo de inspiração de vida e de postura a favor da dignidade e do reconhecimento do importante papel da mulher angolana na sociedade.

“Quis o destino que há 85 anos, num dia como hoje, tivesse nascido e que nos nossos dias o seu percurso de vida representa na sua essência o ideal das mulheres pela dignidade, igualdade e emponderamento”, lê-se na mensagem de felicitações.

Maria Eugénia Neto é ainda destacada como uma mulher de fibra de aço, de elevada cultura humanística, mãe de família exemplar, poetisa, política circunstâncias que fazem dela uma referencia obrigatória para a sociedade angolana e para a história recente de Angola, desempenhando um papel relevante na qualidade de esposa do fundador da Nação para as novas gerações.

Maria Eugénia Neto nasceu em Trás-os-Montes (Portugal) aos 8 de Março de 1934.

Tem publicadas, entre outras, as obras "E nas Florestas os Bichos Falaram" (prémio de honra na Comissão Cultural da ex-República Democrática Alemã, para a UNESCO, 1977-Leipzig).

A autora escreveu também "Foi Esperança e Certeza”, 1979, “A Formação de Uma Estrela e Outras Histórias na Terra” (1979), "O Vaticínio da Kianda na Piroga do Tempo" (1985) e "A Menina Eu flores/Planeta da Estrela(1988).

"Este é o Canto" (1989), "As Nossas Mãos Constroem a Liberdade", "A Lenda das Asas e da Menina Mestiça-Flor", "As aventuras de Amor/Flor em África", "A Montanha do Sol" e "O Soar dos Quissanges"(2000) são outros livros publicados por Maria Eugenia Neto.

Assuntos Angola  

Leia também
  • 09/03/2019 08:05:43

    Carmo Neto deixa comando da UEA com o sentimento do dever cumprido

    Luanda - Três mandatos e 9 anos a frente dos destinos da maior organização cultural angolana, a União dos Escritores Angolanos (UEA), o ainda secretário-geral, António Carmo Neto, diz que deixa o leme do barco com o sentimento do dever cumprido.

  • 09/03/2019 06:12:08

    Resenha Cultural: Carnaval marca semana

    Luanda - Os desfiles do Carnaval no país marcaram a semana cultural que hoje, sábado, termina.

  • 07/03/2019 16:28:43

    Ministra da Cultura aborda cooperação em diversos domínios

    Luanda - Questões relacionadas com a cooperação e intercâmbio nos domínios da investigação científica, empreendedorismo, turismo cultural, educação, assistência social e saúde dominaram, nesta quinta-feira, a audiência que a ministra da Cultura, Carolina Cerqueira, concedeu a uma delegação de especialistas norte-americanos.