Angop - Agência de Notícias Angola PressAngop - Agência de Notícias Angola Press

Ir para página inicial
Luanda

Max:

Min:

Página Inicial » Notícias » Lazer e Cultura

11 Março de 2019 | 13h12 - Actualizado em 11 Março de 2019 | 13h12

Turquia quer cooperação no domínio cultural

Luanda - O estabelecimento de uma cooperação e uma parceria sólida no domínio cultural, nas mais variadas modalidades, dominou, nesta segunda-feira, em Luanda, a audiência concedida pela secretária de Estado da Cultura, Maria da Piedade de Jesus, ao embaixador turco em Angola, Alp Ay.

Envia por email

Para compartilhar esta notícia por email, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Corrigir

Para reportar erros nos textos das matérias publicadas, preencha os dados abaixo e clique em Enviar

Embaixador da Turquia em Angola, Alp Ay

Foto: Clemente dos Santos

Para além das relações económicas e políticas, a Turquia olha para a vertente cultural como a via mais importante para que os dois países possam promover as suas culturas, com particularidade para o património material e imaterial. 

O diplomata turco avançou, durante o encontro, que o seu país está aberto a apoiar Angola em acções ligadas à promoção, valorização e divulgação do património artístico cultural, transmitindo a sua vasta experiência, principalmente, na preservação e restauração do património cultural.

Na ocasião fez a entrega de uma proposta sobre a contribuição turca para a Bienal da Paz de Luanda, reafirmando o apoio e comparticipação do seu país.  

Alp Ay apontou como áreas de possíveis acções de intercâmbio as ligadas a museológica,  formação, bibliotecas e arquivo, este último que considera vital no processo de preservação e transmissão da história do país as novas gerações.

O diplomata manifestou também disponibilidade do seu país em apoiar as iniciativas de Angola na Unesco. “Tal como apoiamos o projecto Mbanza Kongo, continuamos abertos para apoiar os que Angola apresentar em termos de candidatura a património mundial”, asseverou o diplomata.

 Já a secretaria de Estado da Cultura, Maria da Piedade de Jesus, que agradeceu a disponibilidade turca, avançou que existe abertura do Ministério da Cultura para o estreitamento das relações bilaterais entre os dois povos.

Maria da Piedade de Jesus afirmou que a experiência da Turquia quanto ao processo de preservação e restauração de bens patrimoniais e arquivos poderá ajudar nas acções desenvolvidas para se manter intacta a memória colectiva angolana.

Angola e a Turquia estabeleceram relações diplomáticas em 1980, mas o início dessa cooperação aconteceu em 2008, ano em que foi assinado em Ancara, o acordo de cooperação comercial, económica e técnica entre os dois governos.

Assuntos Angola  

Leia também